Introdução a Como funciona o Greenpeace

É possível encontrar ativistas do Greenpeace nos lugares mais inóspitos. Os tripulantes dos botes infláveis enfrentam caçadores de baleia no Mar do Norte, escalam plataformas petrolíferas abandonadas e navegam através das zonas proibidas das áreas de testes nucleares.

O Greenpeace usa métodos pacíficos sensacionais para denunciar governos e empresas que violam as leis ambientais. Tais táticas chamam a atenção da imprensa e da população e freqüentemente influenciam as políticas ambientais internacionais.

Greenpeace members
Andre Durand/AFP/Getty Images
Polícia francesa prendendo um membro do Greenpeace
que protestava contra o transporte de plutônio

Nenhum grupo ambientalista é tão ousado quanto o Greenpeace, uma organização não governamental (ONG) que se dedica a preservar espécies em extinção, a proteger o ambiente e a educar a população. Entretanto, o Greenpeace é mais do que um simples grupo de fanáticos em botes infláveis em busca de um pouco de aventura. O Greenpeace Internacional (ou Stichting Greenpeace Council) é uma ONG enorme, com delegações espalhadas por 40 países, inclusive, o Brasil. A organização conta com 2,8 milhões de colaboradores em todo o mundo que fazem doações e trabalhos voluntários. O Greenpeace tem uma grande base de apoio, pois não aceita doações de governos, empresas, partidos políticos ou organismos multinacionais, como as Nações Unidas ou a União Européia.

Embora alguns ambientalistas critiquem o Greenpeace por suas táticas e digam que a organização deveria se focar unicamente em pesquisas e lobby, ele tem tido muito sucesso ao longo de suas mais de três décadas de existência. Neste artigo, conheceremos a missão do Greenpeace, sua história, suas vitórias e sua frota de navios.

A seguir, a missão e os objetivos do Greenpeace.