Avaliação retrospectiva de um programa odontologico





























Autor: Manoel Loyola Agustinho
[pt] Avaliação retrospectiva de um programa odontologico no protocolo pre-operatorio do transplante de figado
Instituição de Defesa: Universidade Estadual de Campinas . Faculdade de Ciências Médicas
Data de Defesa: 2004-02-27
Resumo: [pt] Introdução: O doente hepatopata necessita de cuidados odontológicos curativos e preventivos no protocolo pré-operatório do transplante de fígado, para a erradicação de focos infecciosos e para a manutenção de uma boa saúde bucal no período pós-transplante. Objetivo: Avaliar retrospectivamente as condições de saúde bucal do doente hepático e suas correlações com a doença hepática no pré-operatório do transplante de fígado. Método: A amostra foi constituída de 257 doentes, 70 do sexo feminino e 187 do sexo masculino, candidatos a transplante de fígado, encaminhados pela Unidade de Transplante Hepático/HC/UNICAMP ao Serviço de Odontologia do CECOM/UNICAMP, onde foram realizados os exames clínicos, radiográficos e os tratamentos odontológicos. Foram avaliadas as prevalências das principais doenças odontológicas. Resultados: Obteve-se sorologias positivas para hepatite C em 140 (54,47%) e para hepatite B em 44 (17,12%) doentes. O antecedente de alcoolismo esteve presente em 122 (53,04%) doentes. A média observada do valor de RNI foi de 1,74 (1 – 9) e a de plaquetas foi de 104.470/mm³ (11.000 – 620.000). Avaliando-se as condições de saúde oral destes doentes verificamos que 228 (88,72%) doentes tinham necessidade de tratamento odontológico curativo. A doença periodontal ativa foi observada em 149 (64,22%) doentes, com maior prevalência no grupo com antecedentes de alcoolismo (p<0,0001) e cárie ativa em 167 (71,98%) doentes. Sinais clínicos de candidíases foram observados em 61,97% dos doentes portadores de próteses odontológicas em acrílico, demonstrando uma deficiência de higienização destas próteses. Conclusão: A alta necessidade de tratamento odontológico, a deficiência de higienização de próteses e o alto índice de doença periodontal ativa, principalmente em alcoolistas, no candidato a transplante de fígado, demonstra a importância da eliminação de focos infecciosos presentes na cavidade oral, e a instituição de uma filosofia preventiva nos doentes, evitando problemas no pós-operatório. A condição sistêmica, principalmente a deficiência dos fatores de coagulação demonstra uma necessidade de uma grande interação entre a equipe médica e odontológica
[en] Introduction: The oral cavity of a liver transplant patient who undergoes liver transplant needs proper evaluation before surgery in order to eliminate infectious diseases that could impair the transplant. Objective: To assess the oral cavity of patients with liver disease and to investigate its association with the degree of liver disease. Methods: 257 patients (70 female, 187 male), selected for liver transplantation by the Unit of Liver Transplantation/HC-UNICAMP had their oral cavity status assessed by clinical and X-ray examinations at the Dentistry Unit of CECOM/UNICAMP. Results: Hepatitis C positive response was detected in 140 (54.47%) patients and hepatitis B in 122 (53.04%). Alcoholism antecedence was reported by 122 (53.04%) patients. The mean value for RNI was 1.74 (1-9) and for platelets the number was 104.470/mm³ (11.000-620.000). 228 (88.72%) patients needed odontological treatment. Periodontal disease was observed in 149 (64.22%) patients, with higher incidence in those patients with alcoholism antecedence and active caries lesions in 167 (71.98%) of the patients. 61.97% of the patients who had acrylic odontological protheses also presented oral candidiasis, reflecting poor hygiene procedures. Conclusion: The above findings indicate the relevance of the elimination of infectious disease in the oral cavity in patients with liver disease who will be submitted to liver transplantation. Other systemic diseases, such as the deficiency in the coagulation of the patients, reflect the need for good cooperation between the odontological and medical teams
Titulação: Mestre em Cirurgia
Contribuidor(es): Ilka de Fatima Santana F. Boin
Raquel Silveira Bello Stucchi
Orlando de Castro e Silva Junior
Ilka de Fatima Santana F. Boin [Orientador]
Assuntos: [pt] Caries dentarias
[pt] Alcoolismo
[pt] Doença periodontal
[pt] Hepatite
Documentos Digitais: Download Arquivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *