Compreensão típico ideal da prática profissional do enfermeiro em hospitais






























































Tese de Doutorado
Título original “Compreensão típico ideal da prática profissional do enfermeiro em hospitais públicos”
Autor Banda, Ma Magdalena Zárate
E-mail [email protected]
Unidade Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP)
Área de concentração Enfermagem Fundamental
Orientador ¤ Ferraz, Clarice Aparecida
Banca Examinadora ¤ Almeida, Maria Cecilia Puntel de
¤ Boemer, Magali Roseira
¤ Ferraz, Clarice Aparecida
¤ Popim, Regina Célia
¤ Villafuerte, Maria Elena Espino
Data da Defesa 27/07/2004
Palavras-chave ¤ ação social
¤ pesquisa fenomenológica
¤ prática do enfermeiro
Resumo Original
Este estudo busca desvelar o que é isto a prática da profissional enfermeira em hospitais públicos, segundo abordagem fenomenológica na tentativa de compreender as experiências vividas pelas enfermeiras no cotidiano de hospitais públicos. O processo de compreensão está fundamentado na fenomenologia social de Alfred Schütz, o que possibilitou desvelar a ação social da profissional enfermeira. O acesso às vivências das enfermeiras deu-se através de entrevista não diretiva diante da questão orientadora: Poderia me dizer como é o seu trabalho como enfermeira aqui no hospital? A análise das descrições permitiram a compreensão do típico da prática da enfermeira revelando revestir-se de grande complexidade. Os graus de complexidade são derivados da intensa relação face a face que acontece no ato de cuidar de outro na sua singularidade; das relações com as outras práticas de atenção a saúde; das limitações da formação técnica da enfermeira que se mostra insuficiente para dar conta dos fenômenos sociais presentes no mundo vivido no hospital; dos enfrentamentos cotidianos diante dos avanços científicos e tecnológicos que exigem reflexão profissional para incorporar-los no cuidado. A fenomenologia social de Alfred Schütz contribuiu para compreender a ação social das enfermeiras como grupo que se insere numa trama de relações sociais intersubjetivas derivadas da coexistência e convivência de uma temporalidade e um espaço comum de trabalho.
Título em Inglês Ideal typical comprenhension of professional nursing practice at public hospitals.
Palavras-chave em Inglês ¤ Nursing practice
¤ phenomenological research
¤ social action
Resumo em Inglês
This study aimed to uncover the practice of nursing professionals in public hospitals, adopting a phenomenological approach, in an attempt to understand the experiences of nurses in the daily reality of public hospitals. The understanding process is based on the social phenomenology of Alfred Schütz, which allowed us to uncover the social action of nursing professionals. Access to nursing experiences was obtained through non-directive interviews, in view of the question: Could you tell me how your work is as a nurse here at the hospital? The analysis of their descriptions allowed for the understanding of what is typical about nursing practice, which revealed to be highly complex. The complexity levels derive from the intense face-to-face relation that occurs in caring for the singularity of others; from the relations with other health care practices; from limitations in technical nursing formation, which reveals to be insufficient for dealing with the social phenomena present in the hospital world; from the daily confrontations with scientific and technological advances, which require professional reflection to be incorporated into care. The social phenomenology of Alfred Schütz contributed to the understanding of nurses’ social actions as a group that is inserted in a web of intersubjective social relations, which derive from the coexistence and experience of a common time and work space.
Arquivos








Nome Tamanho
¤ doutorado.pdf 1.09 Mb
Data de Publicação 15/10/2004

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *