Lula vai tratar de crise financeira

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva declarou nesta segunda-feira (13), em seu programa semanal Café com o Presidente, que a crise financeira será um dos temas tratados na viagem que fará nesta semana à Espanha, Índia e Moçambique. Lula disse que espera também avançar sobre a Rodada de Doha, na reunião que terá com o primeiro-ministro da Índia, Mamoohan Singh. “Conversei com o presidente Bush, e fui informado sobre a divergência entre eles. Neste momento, nós, dirigentes, temos que dar uma boa notícia para a humanidade, concluindo a Rodada de Doha”, disse. A questão dos biocombustíveis também será abordada na viagem. Crise O presidente voltou a defender a regulamentação para o funcionamento do sistema financeiro. Segundo ele, como a crise começou nos Estados Unidos, pela primeira vez, os líderes mundiais estão sendo forçados a discutir uma saída para o sistema financeiro. “Trata-se de uma novidade na economia mundial. Pela primeira vez, a crise ataca o âmago dos países ricos”, afirmou. Ainda sobre o atual momento da economia, Lula voltou a ressaltar que as obras de infra-estrutura brasileiras não serão afetadas. “Tudo vai continuar acontecendo neste país”, enfatizou. P-51 No programa, o presidente aproveitou para falar sobre a inauguração da plataforma P-51. Segundo Lula, é motivo de “orgulho” ter uma plataforma totalmente nacional. “Mostra que o Brasil evoluiu e detém tecnologia”, disse. A inauguração, para Lula, é um grande passo também para fomentar a indústria naval brasileira. “Com as descobertas do pré-sal e da Petrobrás, vamos daqui a alguns anos, voltar a ser a segunda indústria naval do mundo”, declarou.

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *