Nova iorque possui mais parques, praias e playgrounds do que qualquer outra cida

Recreação

Nova Iorque possui mais parques, praias e playgrounds do que qualquer outra cidade na América do Norte. Mas por causa da grande população da cidade, muitos deles estão frequentemente lotados, especialmente nos finais de semana. Muitas crianças e adolescentes, como consequência, são obrigados a divertirem-se nas ruas.

[editar] Parques
O Central Park em Manhattan.
O Central Park em Manhattan.
O basebol é o esporte mais famoso na cidade.
O basebol é o esporte mais famoso na cidade.

Nova Iorque possui inúmeras áreas verdes espalhadas, especialmente ao longo de áreas de menor densidade como Staten Island. No total, são 113 km² de área dedicadas a mais de 1,7 mil parques e playgrounds. O parque mais famoso é o Central Park (Parque Central), localizado no centro de Manhattan, é um dos pontos de interesse mais conhecidos de Nova Iorque. O Central Park é na verdade composto por mais de cem parques menores, que no total possuem quatro quilômetros de comprimento e 800 metros de largura. O Central Park possui inúmeros campos de esportes, jardins, um lago, playgrounds e muita área verde disponível, além de um shopping center, um zoológico e um zoológico infantil.

Outros parques famosos são o Madison Square Garden, Riverside Park, Battery Park, Prospect Park, Flushing Meadow-Corona Park, e Forest Park. O litoral que cerca Nova Iorque possui 924 quilômetros de extensão, possuindo 22,4 quilômetros de praias.

[editar] Esportes

O esporte mais famoso em Nova Iorque é o beisebol, em contraste com outras grandes cidades americanas, onde o futebol americano possui a preferência. Nova Iorque possui duas equipes ligadas à Major League Baseball: o New York Yankees, membro da Liga Americana e maior vencedor da história da MLB, com 26 títulos, e o New York Mets, membro da Liga Nacional. As partidas entre essas duas equipes são chamadas de “Subway Series” (série do Metrô). Apenas uma vez na história Yankees e Mets se enfrentaram em uma Série Mundial. Foi no ano de 2000.

A região metropolitana de Nova Iorque possui ainda três times de basquete (New York Knicks e o New Jersey Nets, que disputam a NBA, e o New York Liberty, time de basquete feminino); três times de hóquei sobre o gelo (New York Rangers, New York Islanders e o New Jersey Devils), dois times de futebol americano (New York Giants e o New York Jets), e um time de futebol (Red Bull New York).

Um evento importante é a Maratona de Nova Iorque, cujo percurso inclui todas as cinco regiões da cidade. Outro grande evento esportivo anual da cidade é a disputa do US Open, um dos quatro Grand Slam (maiores torneios de tênis do mundo).

[editar] Vida cultural

Nova Iorque é um dos maiores centros culturais do mundo. Possui muitas galerias de artes, drama e dança, sociedades musicais e literárias, bem como outras organizações culturais. Vários dos mais reconhecidos centros de concertos, museus, e teatros estão localizados na cidade. Isto possui diversas razões.

[editar] Arquitetura
Flatiron Building.
Flatiron Building.

Nova Iorque é conhecida mundialmente pelos seus arranha-céus e edifícios espalhados por toda cidade concentrando a maioria deles em Manhattan. Muitos destes altos edifícios são famosos mundo afora. A Flatiron Building, com seus 22 andares, foi um dos primeiros a serem inaugurados em Nova Iorque, em 1902.

Na década de 1930, muitos arranha-céus foram construídos. Primeiramente, o Chrysler Building (77 andares), finalizado em 1930. O Empire State Building (102 andares), um dos principais cartões postais da cidade, foi finalizado em 1931, e é atualmente o prédio mais alto. O Rockefeller Center (72 andares) foi inaugurado em 1940, e possui uma grande praça, famosa especialmente no inverno.

Ao longo da década de 1950 e 1960, muitos edifícios de vidro foram construídas em Manhattan e em Brooklyn. Entre elas, está a sede da Organização das Nações Unidas.

Em 1973, as torres gêmeas ocuparam o posto de prédios mais altos, com seus 110 andares e 410 metros de altura, até 2001, quando foram destruídas nos Ataques de 11 de Setembro.
A Estátua da Liberdade.
A Estátua da Liberdade.

Mas a arquitetura da cidade de Nova Iorque não se destaca-se apenas pelos altos edifícios. A Estátua da Liberdade, montada em 1884, na França, desmontada e transportada em navios, para ser finalmente remontada em Nova Iorque, e inaugurada em 1886. Esta estátua muito comumente era a primeira vista dos muitos imigrantes que chegavam até a década de 1970.

Muitas igrejas são famosas pelo estilo gótico de arquitetura. Entre elas, a Catedral Episcopal de São João, o Divino, a Igreja Católica de São Patrício e a Igreja Riverside.

Outras estruturas de interesse arquitetônico são casas de pedra marrons localizados em Manhattan e Brooklyn. A maioria destas estruturas foram construídas ao longo do século XVIII, para acomodação de uma única família. Atualmente, porém, muitos deles foram divididos em apartamentos menores.

[editar] Artes
Radio City Music Hall.
Radio City Music Hall.

Nova Iorque é berço de muitos dos estilos artísticos (especialmente na área de literatura, drama e música) que depois se espalharam para o resto dos Estados Unidos. Uma das formas de arte mais populares é o teatro. A maioria das melhores e mais conhecidas peças americanas foram criadas e/ou estrearam na cidade.

Organizações musicais de renome internacional incluem a Orquestra Filarmônica de Nova Iorque, uma das mais reconhecidas orquestras do mundo, e a Metropolitan Opera Association, uma companhia de ópera. Muitos concertos liderados por artistas conhecidos internacionalmente são feitos no Carnegie Hall, localizado perto do Central Park.

Milhares de artistas moram em Nova Iorque, onde vendem suas obras de arte, como esculturas, pinturas, e outras, para museus, empresas, organizações e outras pessoas interessadas. Muitos destes artistas possuem seus estúdios, onde eles criam suas obras de arte, em hangares e depósitos abandonados. Estas estruturas foram abandonadas por indústrias que se moveram para os subúrbios.

[editar] Museus
The Cloisters, parte do Metropolitan Museum of Art.
The Cloisters, parte do Metropolitan Museum of Art.

Nova Iorque possui muitos tipos de museus. O Metropolitan Museum of Art é o maior museu dos Estados Unidos, possuíndo mais de dois milhões de obras de arte, que representam culturas dos últimos cinco milênios. Mesmo ocupando quatro quateirões inteiros, o museu tem espaço suficiente para mostrar apenas uma pequena parcela de suas obras de arte por vez. O The Cloisters é uma secção do Metropolitan dedicado especialmente para a arte européia, da Idade Média, e é desenhado como se fosse um monastério medieval.

Muitos museus especializaram-se na em obras de arte modernas, como o Museum of Modern Art. em Manhattan, e o Guggenheim Museum. O Frick Collection possui coleções de pinturas que datam do século XIV até o século XIX. O American Museum of Natural History é o maior museu de história natural do mundo. Diversos museus menores estão espalhados, muitos deles em universidades e pontos turísticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *