O que é a massa atômica?

O termo massa atômica, pode se referir à massa atômica de um isótopo (muitas vezes chamada simplesmente de massa atômica), à massa atômica de um elemento químico ou de uma substância.







Índice

[esconder]



[editar] Definições



[editar] Massa atômica







A massa atômica, ou mais corretamente a massa do átomo de um dado isótopo (também chamada de peso atômico) é a massa deste átomo em seu estado fundamental. Esta massa é expressa em unidade de massa atômica (representada pelo símbolo uma ou simplesmente u).


Explicações: Pela definição de u (unidade de massa atômica), sabe-se que u é a massa comparada com 1/12 da massa do Carbono-12. Como a massa atômica é expressa em u, ela indica quantas vezes a massa de um átomo é maior que 1/12 da massa de Carbono-12.


Ex.: A massa atômica de um dado isótopo do Flúor é 19 u, isto indica que o isótopo em questão é 19 vezes “mais pesado” que 1/12 da massa do Carbono-12.


Obs.: Atualmente o termo “peso atômico” deve ser evitado.



[editar] Massa atômica de um elemento químico







Em referência a um certo elemento químico, a massa atómica (também chamada massa atómica média, peso atómico ou peso atómico médio) é a massa atómica média de todos os isótopos do elemento químico, também expressa em u.



Uma maneira matemática para a obtenção da “massa média” do elemento químico, é embutir nos cálculos a freqüência relativa dos isótopos do elemento, como mostrado no exemplo abaixo.


Ex.2: Há dois isótopos conhecidos do Cloro, sendo eles o Cloro-35 e o Cloro-37. O primeiro, com massa atômica de 34,9689 u tem uma ocorrência na natureza em torno de 75,77%, enquanto que o outro isótopo, de massa 36,96590 u, tem uma ocorrência de 24,23%.




M_a = frac{ sum (Ocorrencia 	imes  massa  atomica)} {100} = frac{(75,77 	imes 34,9689) + (24,23 	imes 36,96590)} {100}= 35,45 u

Onde Ma é a massa atômica do elemento químico.


Conforme exposto acima, levando em consideração a ocorrência na natureza, sabe-se que a massa atômica do elemento Cloro é de 35,45 u.



[editar] Massa atômica de uma substância


Uma definição semelhante aplica-se às moléculas – sendo então chamada massa molecular de uma substância, expressa em u.


A massa da molécula de uma dada substância é calculada pela soma das massas atômicas de todos os seus átomos constituintes. Esta técnica deixa de lado apenas a energia de ligação química, que geralmente é negligível.


Ex.: A molécula de metano é composta por 1 átomo de carbono e 4 átomos de hidrogênio. Sabendo que a massa atômica do hidrogênio é aproximadamente 1 u e a do carbono aproximadamente 12 u, então a massa atômica da substância metano (massa de uma molécula de metano) é calculada da seguinte forma:


(4 	imes  1) + (1 	imes  12) = 16 u

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *