Quais os beneficios da soja?

APROVEITE A SOJA E TENHA MUITO MAIS SAÚDE

A soja é um grão rico em proteínas. Pertence à família das leguminosas, assim como o feijão, a lentilha e a ervilha. A soja é originária da China e esse nome vem do japonês shoyu.
O maior produtor do mundo são os Estados Unidos, seguidos de Brasil, Argentina, China, Índia e Paraguai.
A soja é considerada uma fonte completa de proteínas. Ela contém quantidades significativas de todos os aminoácidos essenciais que devem ser providos ao corpo humano, via alimentação, pela inabilidade em sintetizá-los.
Quanto à composição, em média, a soja possui 40% de proteínas, 20% de lipídios, 5% de minerais e 34% de carboidratos.
Esta leguminosa é encontrada no mercado em diferentes formas. Soja em grão, farinha de soja, extrato de soja (leite de soja, em pó ou fluido), proteína texturizada, também chamada “PTS ou carne de soja”, além de estar presente em uma série de outros produtos.
Vários estudos científicos e epidemiológicos comprovam a ação da soja na prevenção de doenças crônicas, como problemas do coração, alguns tipos de câncer, sintomas da menopausa, entre outros.
Pesquisas da American Heart Association – AHA (Associação Americana do Coração) têm demonstrado que a ingestão de proteínas de soja reduz as taxas de LDL Colesterol, aquele famoso colesterol ruim.
Outro benefício do consumo de soja é a diminuição das temidas ondas de calor, comuns nas mulheres que estão na menopausa. Isso acontece porque a soja é rica em fito-hormônios, dentre estes o fitoestrógeno, estrutura encontrada numa substância chamada isoflavona, muito semelhante ao estrógeno, diferenciando apenas por atuar de forma mais amena. Esta substância supre a falta de hormônio na menopausa e, assim, diminui seus sintomas, além de atuar também como antioxidante.
Como qualquer outro alimento, a soja precisa ter seu consumo moderado e não deve servir como base total da alimentação, pois é pobre em vitamina B12.
Resumindo, a soja é um alimento de alto valor nutricional, podendo ser utilizada de diferentes formas. Além de ser uma excelente opção para pessoas que não podem consumir proteínas de origem animal (leite, carnes, ovos etc) por doenças ou alergias alimentares, pode ser usada por aqueles que fazem opção por uma alimentação vegetariana.
Entretanto, é necessário um bom equilíbrio alimentar ou mesmo uma suplementação quando a soja representa a principal fonte de proteínas da dieta. Uma vez que a falta ou a quantidade insuficiente de alguns importantes nutrientes pode gerar graves deficiências ao organismo.

Tenha uma alimentação balanceada e faça da soja uma aliada de sua saúde.
Uma semana natural e saudável para você, leitor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *