Quais os benefícios do iogurte?

Iogurte sempre à mesa

Produzido a partir de leite fermentado, é um alimento rico em vitaminas, proteínas e cálcio.

O iogurte é um alimento delicioso e prático, que pode ser consumido no café da manhã, nos lanches entre as refeições e pode ser usado na preparação de molhos para saladas e sobremesas. Rico em vitaminas, proteínas e cálcio, é um alimento muito saudável e benéfico à saúde de pessoas de todas as idades.

O iogurte é um produto lácteo fresco produzido a partir de leite fermentado e das bactérias lactobacillus bulgaricus e streptococcus termophlus. Elas estimulam o crescimento uma da outra, transformando o leite pasteurizado em iogurte, com consistência cremosa e sabor levemente ácido. O produto final contém de cem milhões a 1 bilhão de bactérias vivas por mililitro.

“Além de auxiliar o sistema imunológico, essas bactérias melhoram o funcionamento do intestino, inibindo o desenvolvimento de microrganismos nocivos e o surgimento de infecções intestinais. Elas repovoam a flora intestinal, permitindo seu equilíbrio e ação mais eficiente”, diz a nutricionista Cynthia Antonaccio*.

Por ser rico em cálcio, o iogurte pode substituir o leite nas refeições das pessoas que não apreciam muito a bebida ou têm dificuldade de digeri-la. Afinal, o iogurte possui microorganismos ausentes no leite e que ajudam a digerir o açúcar e a lactose.

Para completar, a nutricionista conta que um recente estudo realizado pela University of Tennessee, nos Estados Unidos, mostrou que a inclusão do iogurte na dieta pode acelerar os mecanismos de queima de gordura, ajudando a emagrecer.

Neste estudo, os pesquisadores verificaram que adultos obesos que ingeriram três iogurtes sem gordura diariamente, como parte de uma dieta de baixas calorias, perderam 22% mais peso e 61% mais gordura corporal do que aqueles com dieta de baixas calorias sem iogurte. Além disso, quem consumiu iogurte perdeu 81% mais gordura corporal na área do estômago, ou seja, diminuiu a barriga.

Motivos para incluir esse alimento no seu cardápio diário não faltam, inclusive pela variedade de opções disponíveis no mercado: natural, com pedaços ou polpa de frutas, líquido, com consistência cremosa ou sólida, light ou normal.

Contudo, para manter a qualidade, a consistência e evitar alterações no sabor, é necessário que o produto seja mantido em temperatura de 0 a 6ºC e que só seja retirado da geladeira na hora de ser consumido. Bom apetite!

*Cynthia Antonaccio é nutricionista com mestrado em Nutrição Humana Aplicada pela Universidade de São Paulo (USP). Dá orientação e presta acompanhamento nutricional nas academias Competition e em seu consultório na Equilibrium Consultoria em Nutrição e Bem-estar.

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *