Transpiração nas plantas












No entanto, nas plantas este processo desempenha um importante papel – a transpiração é essencial para que a água da seiva bruta ascenda até às folhas.


Coordenação de M.C. Reis e C.R. Carvalho


As plantas transpiram?
Sim, tal como os animais, as plantas também transpiram. Da água que a planta absorve na seiva bruta, ela só utiliza uma parte. A restante é eliminada sob a forma de vapor de água, principalmente através das folhas. É a esta perda de água que se chama transpiração.
As folhas de uma planta perdem constantemente vapor de água através dos estomas. Essa água é substituída por água do solo que entra pelas raízes e que sobe através do caule (seiva bruta). A subida da seiva bruta pelo caule é motivada por um efeito de sucção, que se inicia quando a água se evapora das células das folhas. Assim, a água é “aspirada” até às folhas, para compensar a água que a planta perde por transpiração.
fluxo de água que está continuamente a subir chama-se corrente de transpiração. A corrente de transpiração fornece à planta toda a água de que esta necessita para fabricar os seus alimentos e ajudar as células a conservarem a sua forma, o que evita que a planta murche. A evaporação da água nas folhas também refresca a planta.
índice de transpiração de uma planta depende de inúmeros factores, nomeadamente da temperatura, da humidade do ar e do vento. Todas as plantas conseguem controlar o seu índice de transpiração, ou seja, o ritmo a que perdem vapor de água, abrindo ou fechando os estomas.
A transpiração das plantas vai enriquecer a atmosfera em vapor de água, o que é bastante importante no equilíbrio do ciclo da água, por aumentar a precipitação atmosférica. Esta é uma das razões para as zonas de vegetação muito abundante serem muito húmidas.


VOCABULÁRIO
. Sucção – efeito de sugar ou sorver.
. Índice de transpiração – velocidade a que a transpiração ocorre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *