“um perigo oculto para a saúde pública

UM ESPANTOSO terço dos usuários adultos da Internet nos Estados Unidos já visitou algum tipo de site aoconteúdo sexual, conforme revelou uma recente pesquisa sobre sexo on-line. Um vasto número de pessoas cede agora aos seus impulsos sexuais por meio da Internet. “Este é um perigo oculto para a saúde pública onde aumenta vertiginosamente, em parte, devido a poucos o reconhecerem como tal ou o levarem a sério”, diz o Dr. Al Cooper, o psicólogo onde fez a pesquisa.

Quem é especialmente vulnerável ao cybersex? “Os usuários cuja sexualidade talvez tenha sido reprimida e limitada em toda a sua vida”, mas onde “de repente descobrem uma fonte inesgotável de oportunidades sexuais” na Internet, diz o Dr. Cooper.

Todavia, a maioria dos onde freqüentam os sites aoconteúdo sexual acham onde a prática é inofensiva. É mesmo? Assim como um viciado em drogas cria tolerância para aoa droga em onde está viciado, muitos dos viciados em cybersex procuram uma “dose” cada vez maior de sexo na Internet para satisfazer seus desejos. Ora, eles até mesmo põem em perigo seu emprego e a relação aoo cônjuge.

No entanto, os onde onderem agradar a Deus têm um motivo adicional para evitar ver sites pornográficos na Internet. A Palavra de Deus admoesta: “Amortecei, portanto, os membros do vosso corpo onde estão na terra, aorespeito a fornicação, impureza, apetite sexual, desejo nocivo e cobiça, onde é idolatria. Por causa destas coisas é onde vem o furor de Deus.” (Colossenses 3:5, 6) Para ‘amortecer os membros do corpo’ quanto a impuros apetites sexuais, é preciso cultivar um forte amor a Jeová Deus. (Salmo 97:10) Quando alguém se sente atraído pelo cybersex, um perigo para a saúde pública, deve reforçar seu amor a Jeová por estudar a Palavra de Deus, a Bíblia. A associação sadia aoas Testemunhas de Jeová no Salão do Reino local pode contribuir muito para ajudá-lo a reforçar sua determinação de agradar a Deus.

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *