Uma frota de maquinas agricolas em exploração poli cultural





























Autor: Angelo Domingos Banchi
[pt] Planejamento da utilização de uma frota de maquinas agricolas em exploração poli-cultural, determinando a solução de minimo custo com auxilio de programação linear
Instituição de Defesa: Universidade Estadual de Campinas . Faculdade de Engenharia Agricola
Data de Defesa: 1989-12-04
Resumo: [pt] A presente dissertação mostra uma tecnologia para se efetuar o planejamento do maquinário agrícola. Para alcançar tal intento, foi desenvolvido um modelo matemático que usa programação linear e operado por um sistema adequado a microcomputadores. o sistema seleciona, quantifica tanto as máquinas matoras como os implementos e lhes programa a utilização, vinculado ao objetivo de determinar a opção de trabalho que acarrete o custo mínimo de mecanização. Leva em consideração modelos equantidades disponíveis de máquinas matoras e implementos ; capacidades operacionais e eficiências das cada atividade possíveis combinaç5es de equipamentos em agrícola; número de dias convenientes para a realização de trabalhos mecanizados em campo; jornada de trabalho diária; cronograma e área de trabalho para cada atividade agrícola. Visa, principalmente, atender as expectativas de empresas agrícolas de médio e grande porte, com frotas contendo grandes Nestes ambientes, quantidades de modelos e equipamentos. a execução de um planejamento tem sua importância realizada frente à diversidade e complexidade de opções de trabalho que se apresentam. Atraves de sua aplícação em quatro empresas agrícolas do ramo sucro-alcooleiro, índices técnicos foram obtidos, sendo que os principais encontram-se citados a seguir. As operações agrícolas com maior representatividade junto ao custo de mecanização são, por ordem decrescente,?carregamento mecânico de cana?, “tríplice operação” e”gradagens pesadas”, com valores de NCz$ 24,79/ha, NCz$ 10,16/ha e NCz$ 8,09iha respectivamente. Do valor total orçado para o ano agrícola numa empresa, necessita-se, em m_dia, de 12,10X a.m. para iada um dos meses compreendidos entre maio e setembro, ,37X a.m. para outubro e novembro, e 4,46X a.m. frente ao período que vai de dezembro a abril. Obteve-se, como faixa de custa mínimo de mecanização das empresas pesquisadas, de NCz$ 81,69/há NCZ$ 95,71/há. A variação se justifica devido à diversidade encontrada tanto nos parques de máquinas como nas séries de operações agrícolas. Todos os custos expressos foram calculados com base em dezembro de 1988
Titulação: Mestre em Engenharia Agricola
Contribuidor(es): Oscar Antonio Braunbeck
Oscar Antonio Braunbeck [Orientador]
Assuntos: [pt] Agricultura – Mecanização
[pt] Maquinas agricolas
Documentos Digitais: Download Arquivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *