Ureterolitotripsia transureteroscopica





























Autor: Jean Adonis Ikonomidis
[pt] O uso rotineiro do cateter duplo J apos ureterolitotripsia transureteroscopica : e realmente necessario?
Instituição de Defesa: Universidade Estadual de Campinas . Faculdade de Ciências Médicas
Data de Defesa: 2003-11-26
Resumo: [pt] Objetivo: avaliar a relação custo-benefício do uso rotineiro do cateter de duplo J após ureterolitotripsia endoscópica ultra-sônica. Pacientes e Métodos: Um total de 295 pacientes consecutivos submetidos a ureterolitotripsia endoscópica ultra-sônica, foram divididos aleatoriamente em dois grupos. Grupo 1 (n=133) recebeu cateter de duplo J após o procedimento e grupo 2 (n= 162) não recebeu cateter. Tempo de operação, tamanho do cálculo, localização do cálculo, taxa de sucesso, dor no pós-operatório, e complicações foram analisadas em ambos os grupos. Resultados: não houve diferença estatística significante entre os dois grupos em relação ao tamanho e localização dos cálculos, taxa de sucesso, dor no pós-operatório e complicações. Porém, no grupo 1 o tempo de cirurgia foi significativamente maior que no grupo 2 (p=0.019). Conclusão: o uso rotineiro do cateter de duplo J aumenta o tempo de cirurgia e não demonstrou influenciar na evolução do paciente
[en] Purpose: To assess the cost-effectiveness of routine ureteral stenting following ureteroscopic stone removal. Patients and Methods: A total of 295 consecutive patients who underwent rigid ureteroscopic stone removal were randomized in two groups. Group 1 (n=133) received a stent following the procedure and group 2 (n= 162) was not stented. Operative time, stone size, stone location, success rate, postoperative pain, and complications were analyzed in both groups. Results: There were no statistically significant differences between the two groups regarding stone size, stone location, success rate, postoperative pain, and complications. However, in group 1 operative time was significantly longer than in group 2 (chi-square p=0.019). Conclusion: Routine stent placement following ureteroscopic stone removal increases operative time and does not seem to improve patient´s outcome
Titulação: Mestre em Cirurgia
Contribuidor(es): Marcelo Lopes de Lima
Nelson Rodrigues Netto Jr
Nelson Rodrigues Netto Junior [Orientador]
Jose Luis Chambo
Assuntos: [pt] Litotripsia
[pt] Aparelho urinario – Calculos
[pt] Instrumentos e aparelhos cirurgicos
Documentos Digitais: Download Arquivo

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *