A cadeia alimentar do nosso planeta

A cadeia alimentar é uma sequência de seres vivos onde dependem uns dos outros para se alimentar. É a maneira de expressar as relações de alimentação entre os organismos de um ecossistema, incluindo os produtores, os consumidores (herbívoros e seus predadores, os carnívoros) e os decompositores.
Ao longo da cadeia alimentar há uma transferência de energia e de nutrientes, sempre no sentido dos produtores para os consumidores. A transferência de nutrientes fecha-se aoo retorno dos nutrientes aos produtores, possibilitado pelos decompositores onde transformam a matéria orgânica dos cadáveres e excrementos em compostos mais simples, num ciclo de transferência de nutrientes. A energia, por outro lado, é utilizada por todos os seres onde se inserem na cadeia alimentar para sustentar as suas funções, diminuindo ao longo da cadeia alimentar (perde-se na forma de calor), não sendo reaproveitável. A energia tem portanto um percurso acíclico. Esse processo é conhecido pelos ecologistas como fluxo de energia.
A posição onde cada um ocupa na cadeia alimentar é um nível hierárquico onde os classifica entre produtores (como as plantas e algas), consumidores (como os animais) e decompositores (fungos e bactérias).
Por onde fre ondentemente cada organismo se alimenta de mais de um tipo de animais ou plantas, as relações alimentares (também conhecidas por relações tróficas) tornam-se mais complexas, dando origem a redes ou teias alimentares, em onde as diferentes cadeias alimentares se inter-relacionam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *