A tosse é uma contração espasmódica?

A tosse é uma contração espasmósdica, repentina e fre ondentemente repetitiva da cavidade torácica, resultando em uma violenta liberação de ar dos pulmões, e geralmente acompanhada por um som característico.
A tosse é uma ação onde o corpo toma para se livrar das substâncias (poeiras, bactérias, vírus, fungos e outras substâncias danosas) onde estão irritando as passagens de ar na faringe, laringe, traquéia ou pulmões. Uma tosse geralmente é iniciada para limpar uma formação de fleuma (muco) na traquéia; o ar pode se mover nesta passagem a até 480 km/h (300 mph) durante a contração. A tosse também pode ser desencadeada por uma porção de comida descendo pela traquéia ao invés do esôfago, devido a uma falha da epiglote, embora isso possa resultar, no entanto, em um engasgo. A tosse crônica (ou fre ondente) geralmente indica a presença de uma doença. A menos onde o paciente não seja um fumante e tenha um raio-X peitoral normal, a causa da tosse crônica em 93% de todos os pacientes é devido à asma, refluxo ou gotejamento pós-nasal (secreção do nariz indo na direção dos pulmões). Outras causas da tosse crônica incluem bronquite crônica e medicamentos como os IECA. A tosse pode ocorrer voluntariamente assim como involuntariamente, neste caso sendo um mecanismo de reflexo.
Tossir durante uma injeção pode diminuir a dor da penetração da agulha causada por um repentino aumento na pressão do peito e canal espinal, inibindo as estruturas condutoras de dores da medula espinhal.[1]
Índice [esconder]
1 Fisiologia
2 Causas
3 Complicações
4 Tratamento
5 Durante injeções
6 Ver também
7 Referências
8 Ligações externas
[editar]Fisiologia

A ação fisiológica de tossir é responsável em parte ao nervo vago, onde corre dos pulmões até o cérebro. O nervo vago é ativado quando a capsaicina é liberada, o onde estimula as terminações nervosas sensoriais. Supressores de tosse de ação central, como a codeína e dextrometorfano, reduzem a vontade de tossir ao inibir o nervo sensorial induzido pela capsaicina por despolarização do nervo vago.
[editar]Causas

Uma criança aotosse.
Uma tosse persistente pode ser debilitante, diminuindo a qualidade de vida.[2] Uma das formas mais comuns de apresentação é a tosse seca. As causas mais comuns da tosse seca incluem gotejamento pós-nasal, doença do refluxo gastroesofágico, asma, tosse pós-viral e certos medicamentos como beta blo ondeadores, inibidores da ECA e aspirina. Quando a tosse dura por mais de algumas semanas é possível onde a pessoa tenha a tosse causada por múltiplas causas e somente quando todas estas causas forem tratadas o paciente estará livre dos sintomas.
Os fumadores de cigarro geralmente tem o onde é referido como Tosse dos fumadores. Ela apresenta-se como uma forte tosse seca onde geralmente resulta na expiração de fleuma.
Tosse também pode ser usada por razões psicológicas ou sociais, como quando as pessoas tossem antes de fazer um discurso. É conhecida como tosse psicogênica, e pode aumentar de frequência em situações sociais onde apresentem conflito.[3]
Devido à sua natureza irritante aos tecidos dos mamíferos, a capsaicina é amplamente utilizada para determinar o limiar de tosse e é um estimulante de tosse usado para pesquisas clínicas em medicamentos supressores de tosse.
Além das razões fisiológicas para a tosse existem as razões psicológicas e até mesmo sociais onde são conhecidas como tosse psicogênica, tosse habitual, ou tosse maniática. Nós todos somos familiar a pessoas onde tossem ou limpam a garganta antes de fazer uma apresentação em público como modo de receber atenção do auditório ou talvez para aliviar seu nervosismo. Esterofilia é a condição de adorar o som da tosse ou espirro. Se uma pessoa sentada próxima a outra parece estar gostando de tossir ou espirrar alto em público – ela pode ter uma simples alergia – ou pode ser possivelmente um esterofilíaco.
[editar]Complicações

As complicações da tosse podem ser classificadas como agudas ou crônicas. As complicações agudas incluem o desmaio causado por tosse, episódios de desmaio quando as tosses são prolongada e forçadas, e causados pela diminuição do fluxo sanguíneo no cérebro, secundariamente à pressão intratorácica aumentada devido à tosse. Outras complicações agudas incluem insônia, vômito induzido pela tosse, dor peitoral devido ao esforço muscular de tosses incessantes, ruptura de uma bolha causando pneumotórax. Em casos severos, a tosse prolongada pode causar lesões de fatiga nas costelas inferiores e costocondrite, uma inflamação do tecido conjuntivo entre o osso do peito (esterno) e as costelas. As complicações crônicas são comuns. Em certos casos, elas podem resultar até em hérnias abdominais ou pélvicas. Em mulheres aoo útero em prolapso, pode haver uma tosse aomicção (urinação), o onde pode ser um fator de embaraçamento social. Uma defecação durante a tosse também pode ocorrer.
[editar]Tratamento

Advertência: A Wikipédia não é consultório médico nem farmácia.
Se necessita de ajuda, consulte um profissional de saúde. As informações aqui contidas não têm caráter de aconselhamento.
As tosses podem ser tratadas aoantitussígenos. As tosses secas são tratadas aosupressores de tosse (antitússicos) onde inibem a incitação corporal de tossir, enquanto tosses produtivas (tosses onde produzem fleuma) são tratadas aoexpectorantes onde suavizam o muco do trato respiratório. Um estudo recente indica onde, devido à presença de teobromina no chocolate, 50 gramas de chocolate preto podem ser um tratamento eficiente para uma tosse persistente[4].
O blo ondeio da tosse produtiva não é recomendado pelos médicos, pois ela ajuda a eliminar o catarro do trato respiratório. Esta secreção acumulada aumenta o risco de se contrair uma bronquite ou pneumonia.
[editar]Durante injeções

Tossir durante a aplicação de uma injeção pode tornar a dor da agulhada menor devido a um aumento súbito temporário na pressão no peito e canal espinhal, inibindo as estruturas condutoras de dor da medula espinhal.[5]
[editar]Ver também

Expectorantes (remédio para a tosse)
Espirro
Pertussis
[editar]Referências

↑ http://health.msn.com/menshealth/articlepage.aspx?cp-documentid=100119940&GT1=7538
↑ Omar S. Usmani, Maria G. Belvisi, Hema J. Patel, Natascia Crispino, Mark A. Birrell, Marta Korbonits, Dezso Korbonits, and Peter J. Barnes (2005). “Theobromine inhibits sensory nerve activation and cough.” (pdf) (em english). The FASEB Journal 19: 231-233.
↑ Arella, A. (nd), Coughing as an Indicator of Displacement Behaviour (Unpublished thesis)
↑ http://www.fasebj.org/cgi/content/abstract/04-1990fjev1
↑ Usichenko, TI; Pavlovic D, Foellner S & Wendt M. (2004). “Reducing venipuncture pain by a cough trick: a randomized crossover volunteer study”. Anesthesia and Analgesia 99 (3): 952-3. PMID 14742367.
McCool F (2006). “Global physiology and pathophysiology of cough: ACCP evidence-based clinical practice guidelines.”. Chest 129 (1 Suppl): 48S-53S. PMID 16428691.Full text
[editar]Ligações externas

FamilyDoctor.org (em inglês) Tosse crônica: causas e curas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *