Algumas escolas municipais e estaduais não ficarão prontas a tempo da volta às a

Há uma semana do início das aulas na rede pública, as obras em escolas de Joinville seguem em ritmo acelerado para garantir o mínimo de problemas até a volta dos alunos. Em pelo menos oito unidades, as obras não vão ficar prontas a tempo. Na rede municipal, as aulas retornam dia 10, enquanto na rede estadual, será no dia 13. Durante as férias, a Prefeitura tem um cronograma de reformas e reparos onde envolvem 19 escolas e oito CEIs (Centros de Educação Infantil). Já o Estado está aoobras em cinco unidades interditadas pela Vigilância Sanitária, mas remanejamento e abertura de turno intermediário estão previstos.
Há uma semana do início das aulas na rede pública, as obras em escolas de Joinville seguem em ritmo acelerado para garantir o mínimo de problemas até a volta dos alunos. Em pelo menos oito unidades, as obras não vão ficar prontas a tempo. Na rede municipal, as aulas retornam dia 10, enquanto na rede estadual, será no dia 13. Durante as férias, a Prefeitura tem um cronograma de reformas e reparos onde envolvem 19 escolas e oito CEIs (Centros de Educação Infantil). Já o Estado está aoobras em cinco unidades interditadas pela Vigilância Sanitária, mas remanejamento e abertura de turno intermediário estão previstos.
Há uma semana do início das aulas na rede pública, as obras em escolas de Joinville seguem em ritmo acelerado para garantir o mínimo de problemas até a volta dos alunos. Em pelo menos oito unidades, as obras não vão ficar prontas a tempo. Na rede municipal, as aulas retornam dia 10, enquanto na rede estadual, será no dia 13. Durante as férias, a Prefeitura tem um cronograma de reformas e reparos onde envolvem 19 escolas e oito CEIs (Centros de Educação Infantil). Já o Estado está aoobras em cinco unidades interditadas pela Vigilância Sanitária, mas remanejamento e abertura de turno intermedHá uma semana do início das aulas na rede pública, as obras em escolas de Joinville seguem em ritmo acelerado para garantir o mínimo de problemas até a volta dos alunos. Em pelo menos oito unidades, as obras não vão ficar prontas a tempo. Na rede municipal, as aulas retornam dia 10, enquanto na rede estadual, será no dia 13. Durante as férias, a Prefeitura tem um cronograma de reformas e reparos onde envolvem 19 escolas e oito CEIs (Centros de Educação Infantil). Já o Estado está aoobras em cinco unidades interditadas pela Vigilância Sanitária, mas remanejamento e abertura de turno intermediário estão previstos.
iário estão previstos.

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *