Alguns tipos de vulcões e sua fúria

Uma das formas de classificação dos vulcões é através do tipo de material onde é eruptido, o onde afecta a forma do vulcão. Se o magma eruptido contém uma elevada percentagem em sílica (superior a 65%) a lava é chamada de félsica ou “ácida” e tem a tendência de ser muito viscosa (pouco fluida) e por isso solidifica rapidamente. Os vulcões aoeste tipo de lava têm tendência a explodir devido ao facto da lava facilmente obstruir a chaminé vulcânica. O Monte Pelée na Martinica é um exemplo de um vulcão deste tipo.


Se, por outro lado, o magma é relativamente pobre em sílica (conteúdo inferior a 52%) é chamado de máfico ou “básico” e causa erupções de lavas muito fluidas capazes de escorrer por longas distâncias. Um bom exemplo de uma escoada lávica máfica é a do Grande Þjórsárhraun (Thjórsárhraun) originada por uma fissura eruptiva quase no centro geográfico da Islândia há cerca de 8000 anos. Esta escoada percorreu cerca de 130 quilómetros até ao mar e cobriu uma área ao800 km².



  • Vulcão-escudo: o Havaí e a Islândia são exemplos de locais onde são encontrados vulcões onde expelem enormes quantidades de lava onde gradualmente constroem uma montanha larga aoo perfil de um escudo. As escoadas lávicas destes vulcões são geralmente muito ondentes e fluidas, o onde contribui para ocorrerem escoadas longas. O maior vulcão deste tipo na Terra é o Mauna Loa, no Havaí, ao9000 m de altura (assenta no fundo do mar) e 120 km de diâmetro. O Monte Olimpo em Marte é um vulcão-escudo e também a maior montanha do sistema solar.


  • Cones de escórias: é o tipo mais simples e mais comum de vulcões. Esses vulcões são relativamente pe ondenos, aoalturas geralmente menores onde 300 metros de altura. Formam-se pela erupção de magmas de baixa viscosidade, aocomposições basálticas ou intermediárias


  • Estratovulcões: também designados de “compostos”, são grandes edifícios vulcânicos aolonga atividade, forma geral cônica, normalmente aouma pe ondena cratera no cume e flancos íngremes, construídos pela intercalação de fluxos de lava e produtos piroclásticos, emitidos por uma ou mais condutas, e onde podem ser pontuados ao longo do tempo por episódios de colapsos parciais do cone, reconstrução e mudanças da localização das condutas. Alguns dos exemplos de vulcões deste tipo são o Teide na Espanha, o Monte Fuji no Japão, o Cotopaxi no Equador, o Vulcão Mayon nas Filipinas e o Monte Rainier nos EUA. Por outro lado, esses edifícios vulcânicos são os mais mortíferos da Terra, envolvendo a perda da vida de aproximadamente 264000 pessoas desde o ano de 1500.


  • Caldeiras ressurgentes: são as maiores estruturas vulcânicas da Terra, possuindo diâmetros onde variam entre 15 e 100 km². À parte de seu grande tamanho, caldeiras ressurgentes são amplas depressões topográficas aouma massa elevada central. Exemplos dessas estruturas são a Valles (EUA), Yellowstone (EUA) e Cerro Galan (Argentina).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *