Antônio fagundes dirige marília gabriela no teatro em aquela mulher

Quatro décadas atuando não diminuíram a ansiedade de Antônio Fagundes ao dirigir seu primeiro espetáculo teatral, “Aquela mulher”, baseado no texto do escritor angolano José Eduardo Agualusa. “Está sendo uma descoberta”, diz ator sobre a peça que estréia no próximo sábado (18), no Teatro Sesc Anchieta, em São Paulo.

Fagundes, que interpretou mais de 30 papéis em novelas e filmes, falou sobre seu debute como diretor nesta segunda-feira (13) à imprensa, ao lado de Agualusa e da atriz Marília Gabriela, protagonista do espetáculo.


 


“Trabalhei com grandes diretores e sempre fui um ator dócil, que aproveitou muito. Mas é diferentes estar do lado de cá. Jamais imaginei que seria da forma como foi”, revela.

Apesar da novidade, o novo diretor teatral mostra que mesmo na função inédita, sabe seu papel. “O diretor é mais um estimulante, um provocador. Porque no fim das contas, ele fica sentadinho na platéia sem possibilidade de intervenção”, avalia Fagundes. “Depois de um mês, quando o diretor for rever seu trabalho, o espetáculo não é mais dele”.

“Aquela mulher” é um monólogo que traz Marília Gabriela no papel de “H”, candidata que disputa uma eleição ao cargo que a fará a governante mais poderosa do planeta. A personagem é inspirada na americana Hillary Clinton.

A menos de uma semana da estréia, Fagundes sente o peso da primeira vez. “O nervosismo bate de forma diferente neste momento. O diretor fica numa completa solidão, porque quem está no palco já está alçando novos vôos”, conclui.

“Aquela mulher”
Onde: Teatro Sesc Anchieta – Rua Doutor Vila Nova, 245. Tel.: (11) 3234-3000
Quando: A partir de sábado (18). Sex. e sáb., às 21h, e dom., 19h.
Ingressos: R$ 20

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *