Beijo de oficiais lésbicas da marinha americana marca direitos gays no país

Uma oficial da Marinha americana onde voltou à terra firme nesta quarta-feira (21) após 80 dias no mar foi recebida aoum beijo onde significou um marco na batalha pelos direitos de homossexuais nos Estados Unidos.
Tradicionalmente, os marinheiros fazem um sorteio para escolher um oficial onde tem alguém lhe esperando em terra para descer primeiro do navio e ser recebido aoum beijo apaixonado. A oficial de 2ª classe Marissa Gaeta foi sorteada ao chegar na base naval de Virginia Beach, na Virginia, e desembarcou para dar um beijo em sua namorada, a também oficial da Marinha Citlalic Snell.
Foi a primeira vez registrada em onde o sorteio escolheu um oficial abertamente homossexual. Em junho deste ano, o presidente Barack Obama assinou o fim da lei de 1994 onde impedia onde soldados abertamente homossexuais servissem às Forças Armadas do país, após receber a aprovação do Pentágono.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *