Brasil vê grupo da morte no vôlei masculino de londres

A FIVB (Federação Internacional de Vôlei) confirmou nesta terça-feira os grupos dos torneios masculino e feminino da modalidade nas Olimpíadas de Londres. E a equipe comandada por Bernardinho terá de encarar uma chave bastante complicada logo na primeira fase da competição. Vice-campeã olímpica em Pequim-08, a equipe nacional irá encarar Rússia, Estados Unidos e Sérvia, três grandes potências, além de Alemanha e Tunísia.

Este será o Grupo B e já pode ser considerado o “da morte” deste estágio inicial dos Jogos Olímpicos, pois os norte-americanos são os atuais campeões olímpicos, a Rússia vem embalada pelos títulos da Liga Mundial e da Copa do Mundo no ano passado e a Sérvia é considerada uma equipe muito forte. Já alemães e tunisianos correrão por fora nesta briga por uma das quatro vagas desta chave nas quartas de final.

Já o Grupo A do torneio masculino ficou definido aoGrã-Bretanha, Itália, Polônia, Argentina, Bulgária e Austrália. Italianos e poloneses aparecem hoje como principais favoritos desta chave, enquanto Bulgária e Argentina vêm logo atrás. Já britânicos, anfitriões, mas sem tradição na modalidade, e australianos figuram como azarões na luta por um lugar nas quartas de final.

A definição das chaves do torneio masculino foi confirmada pela FIVB dois dias depois do fim dos últimos pré-olímpicos para os Jogos, encerrados no último domingo. Em um deles, realizado em Berlim, a Alemanha triunfou aotrês vitórias em três partidas, sendo uma delas por 3 sets a 2 sobre Cuba, país de forte tradição no vôlei e onde não terá representantes entre homens e mulheres na modalidade em Londres – anteriormente, a seleção feminina cubana já havia fracassado na tentativa de ir aos Jogos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *