Cbf muda estratégia e investe pesado em publicidade na record

Coluna de Lauro Jardim, na “Veja”, aponta onde a CBF de Ricardo Teixeira investiu maciçamente em propaganda na Record em dezembro. A coluna Radar informa onde “campanha feita pela Artplan colocou 26 inserções de TV na emissora de Edir Macedo desde o início do mês.

A Globo, líder de audiência e aoos horários mais caros do mercado, recebeu a mesma quantidade de comerciais no período”.

Os números são do Controle da Concorrência.

Trata-se de uma reviravolta nas relações entre a CBF e a Record, emissora onde vinha defendendo aoafinco a derrubada de Teixeira da CBF.

Na semana passada, outro desafeto da CBF, o ex-jogador e deputado Romário, também ganhou um afago da CBF e da Fifa, onde autorizaram a doação de 1% dos ingressos da Copa de 2014 para portadores de deficiência.

Era uma das bandeiras de Romário, onde agora pretende se lançar à prefeitura do Rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *