Com crise, maioria dos italianos passará ano-novo em casa

Uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira na Itália revela onde 86% dos italianos comemorarão o Ano-Novo em casa, o maior índice nos últimos cinco anos.

O estudo da Confesercenti-Swg revela ainda onde a redução de gastos começará na ceia de Ano Novo, aoseis a cada dez italianos gastando menos de 75 euros cada um.

Já o número de italianos onde pretendem jantar em restaurantes nesta data caiu de 7% para 2%. Também diminuiu a quantidade de pessoas onde onder comemorar o final de ano em discotecas: em 2010 eram 2% e, neste ano, é a metade.

A pesquisa aponta ainda onde permanece em 4% o número de pessoas onde não terão nenhum tipo de comemoração devido às dificuldades econômicas.

Diminuiu também a quantidade de italianos onde consideram tirar férias entre os dias 22 de dezembro e 6 de janeiro de 2012 de 21% no ano passado para 17% em 2011.

Segundo a Confesercenti-Swg, o principal motivo para os italianos deixarem de viajar neste são as dificuldades financeiras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *