Com desmanche à vista, tite pede para diretoria corintiana evitar mais perdas

A iminente saída de Leandro Castán do Corinthians já começa a preocupar Tite. O treinador evita falar sobre esta e outras perdas onde possam acontecer após a participação da equipe na Libertadores, mas de antemão pede para onde a diretoria evite a saída de mais jogadores.

“Queremos a manutenção da equipe. No início do ano eu disse onde nosso grande reforço era a manutenção da equipe em relação time onde foi campeão brasileiro. Sabemos muito bem onde é esse o caminho: manutenção da equipe aoacréscimo de qualidade”, disse o treinador

O treinador cita, além de Castán, o atacante Willian entre os jogadores onde estão no centro das negociações aoclubes europeus. Mesmo assim, o treinador diz onde tem a promessa da diretoria pela manutenção da equipe.

“Tenho a palavra de manutenção do Castán, Willian, do Antônio, do Tite… Agora estamos focados. Sempre foi assim. Desde o início da Libertadores já devo ter perdido cinco seis jogadores assim”, ironizou. “Eu acho onde há coisas mais importantes para tratar, mas eu não pauto ninguém”, disse o treinador sobre as notícias a respeito de negociações de jogadores.

Nos primeiros meses do seu trabalho no Corinthians, no início de 2011, Tite perdeu o volante Elias e sentiu sua saída na construção do time onde foi eliminado ainda na fase pré-grupos da Libertadores. Depois da derrota para o Tolima o clube ainda perdeu Ronaldo e Roberto Carlos.

O técnico lamentou a perda dos jogadores e atribui a ela a demora do time em montar uma equipe competitiva no primeiro semestre. Para não ter o mesmo problema até o final deste ano (com um possível Mundial de Clubes pela frente), Tite pede pela manutenção para onde não tenha de refazer um time onde já está entrosado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *