Como se caracteriza oturismo no brasil?

Turismo no Brasil


O Turismo no Brasil se caracteriza por oferecer tanto ao turista brasileiro quanto ao estrangeiro uma gama mais que variada de opções. Nos últimos anos, o governo tem feito muitos esforços em políticas públicas para desenvolver o turismo brasileiro, procurando baratear o deslocamento interno, desenvolvendo infra-estrutura turística e capacitando mão de obra para o setor, além de aumentar consideravelmente a divulgação do país no exterior. São notáveis a procura pela Amazônia na região Norte, o litoral na região Nordeste, o Pantanal e o Planalto Central no Centro-Oeste, o turismo histórico em Minas Gerais, o litoral do Rio de Janeiro e os negócios em São Paulo dividem o interesse no Sudeste, e os pampas e o clima frio no Sul do país.


Jericoacoara
Jericoacoara
é hoje um dos destinos mais valorizados no turismo brasileiro.


Estatísticas


Segundo números da Organização Mundial do Turismo, os esforços no sentido de desenvolver o turismo no Brasil têm surtido o resultado esperado. Nos últimos anos, conforme mostra a tabela abaixo, os números são recordes na série histórica para o país e o turismo brasileiro cresceu em 2004 e 2005 mais do que os principais países no ranking da OMT. O objetivo do governo federal, segundo plano plurianual para o turismo é alcançar 9 milhões de turistas estrangeiros em 2007 [1]. Em 2005, o Brasil recebeu 4,0% do total de turistas estrangeiros nas Américas.


Nordeste


O grande número de cidades litorâneas com belas praias, contribui para o desenvolvimento do turismo. Muitos estados investem na construção de parques aquáticos, complexos hoteleiros e pólos de ecoturismo. Esse crescimento, no entanto, favorece a especulação imobiliária, que em muitos casos ameaçam a preservação de importantes ecossistemas.


A cultura nordestina, é um atrativo à parte para o turista. Em cada estado, há danças e hábitos seculares preservados. As rendas de bilros e a cerâmica, são as formas mais tradicionais de artesanato da região. As festas juninas em Caruaru (PE) e Campina Grande (PB), são as mais populares do país. O nordeste é a região brasileira que abriga o maior número de Patrimônios Culturais da Humanidade, título concedido pela UNESCO. Alguns exemplos são a cidade de Olinda (PE), São Luís (MA) e o centro histório do Pelourinho, em Salvador (BA).


Há ainda o Parque Nacional da Serra da Capivara, no Minas, um dos mais importantes sítios arqueológicos do país. O carnaval continua sendo o evento que mais atrai turistas, especialmente para Salvador, Olinda e Recife. Cada uma dessas cidades chega a receber quase dois milhões de turistas nessa época.


Outros grandes destaques em nível nacional e mundial são Fernando de Noronha, com suas maravilhosas paisagens naturais e mar cristalino, local que abriga os golfinhos saltadores, conhecidos em todo o mundo e o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, um paraíso ecológico com 155 mil hectares de dunas, rios, lagoas e manguezais, localizado no nordeste do estado do Maranhão ocupando uma área de 270 km de dunas que se formam conforme a combinação dos ventos.


Atualmente, três estados do Nordeste: Maranhão, Ceará e Piauí uniram-se num projeto de formar um Pacote de pontos turisticos nos Litorais dos três estados, os principais pontos sendo: Barreirinhas – MA, Delta do Parnaíba e Luís Correia – PI e Jeriquaquara – CE.


Norte


Por ser uma região pouco habitada e de ocupação mais tardia, o ecossistema da região Norte do Brasil encontra-se preservado, o que propicia as atividades de ecoturismo. Como parte do recente planejamento de desenvolvimento sustentável, a exploração do turismo cresce a cada dia com mais infra-estrutura para os turistas.


Sudeste


São Paulo


A cidade de São Paulo tem como característica principal o turismo de negócios, por ser considerada a capital econômica da América Latina. Segundo dados do setor, acontece um evento a cada 6 minutos na cidade. São Paulo, a maior cidade do país também possui a maior rede hoteleira brasileira. Por especulação imobiliária em meados dos anos 1990, hoje existe excesso de oferta em número de vagas.


Mas São Paulo não é feito só de negócios. A cidade também conta com procura no turismo gastronômico, depois de receber o título de capital mundial da gastromia. Os melhores restaurantes do Brasil ficam na metrópole paulistana, bem como uma enorme variedade de culinárias para todos os bolsos. O turismo cultural também é destaque dada a quantidade de museus, teatros, eventos como a Bienal de Artes e a Bienal do Livro.


Rio de Janeiro


O Rio de Janeiro possui diversas atrações, quase todas ligadas à natureza. A capital é conhecida internacionalmente pela beleza de suas praias e morros, além de possuir a maior floresta urbana do mundo. No sul do estado, a cidade de Paraty, com sua arquitetura colonial, Angra dos Reis com suas ilhas e Ilha Grande são os destaques. Ao norte do estado, são muito procuradas as praias da Região dos Lagos, com Búzios e Cabo Frio. A região serrana conta com Teresópolis, Petrópolis e a vila de Visconde de Mauá, no município de Itatiaia, como refúgios de inverno para se aproveitar o frio. A festa de reveillon em Copacabana é um dos pontos altos do calendário carioca.


Minas Gerais


Já em Minas Gerais, o enfoque é o turismo histórico, com destaque para as cidades de Tiradentes, São João del-Rei e Ouro Preto.


Espírito Santo


O estado se caracteriza por suas belas praias.


Em setembro de 2006 surgiu o Projeto Visitar, que visa a revitalização do centro de Vitória. O projeto se encontra na etapa inicial e com a abertura dos seculares patrimônios para visitação, na capital, já chegaram mais de 10 mil visitantes nos primeiros 6 meses.


Sul


Paraná


O Paraná é um dos estados que tem um grande número de parques nacionais, destacando-se o Parque Nacional do Iguaçu e o Parque Nacional do Superagui. Foz do Iguaçu com cerca de 250 quedas-d’águas e 75 metros de altura, é conhecida internacionalmente. A Garganta do Diabo é uma das atrações do maior conjunto de cataratas do mundo. A Serra do Mar, porção de Mata Atlântica no estado, é também um dos grandes fortes no turismo do Paraná. É possível descer a Serra de trem de Curitiba às pequenas cidades históricas de Morretes e Antonina, e provar o barreado, prato típico da região.


Santa Catarina


O estado de Santa Catarina possui um território cheio de contrastes: as serras se contrapõem ao litoral de belas de praias, baías, enseadas e dezenas de ilhas; na arquitetura, vários municípios mantêm as construções típicas da época da colonização; enquanto a capital, Florianópolis, é uma cidade de edificações modernas e sofisticadas, marcada pela forte presença dos jovens, dos esportes náuticos e dos campeonatos de surfe.


Rio Grande do Sul


O Rio Grande do Sul é um estado com vastas opções de turismo. O estado recebe anualmente certca de 2,0 milhões de turistas de fora do país[carece de fontes?]. As praias do litoral norte nas cidades de Capão da Canoa, Tramandaí e Torres são as mais conhecidas no estado, esta última apresentando falésias. São três pedras que ficam na beira do mar, sendo que uma delas avança mar a dentro em uma altura de 30 metros.


As serras atraem milhares de turistas todos os anos, no inverno e verão. As cidades de Gramado e Canela são conhecidas na época de Natal pela decoração das cidades, juntamente com os parques natalinos. No inverno, os turistas visitam essas cidades juntamente com São José dos Ausentes e Cambará do Sul, devido às temperaturas baixíssimas, chegando a -10°C e com nevascas freqüentes, para a felicidade dos turistas. Nas mesmas se encontram os cânions de Itaimbezinho e da Fortaleza, os quais são dos maiores do Brasil. Em Gramado acontece o Festival de Cinema. Na conhecida como “Pequena Itália”, em que se localizam as cidades de Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Garibaldi, pode-se encontrar as melhores vinícolas do Brasil. Ainda a oeste, se encontram as Missões Jesuíticas, nas cidade de São Miguel das Missões e arredores.


Fonte: pt.wikipedia.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *