Como sony é hackeada mais uma vez e perde credibilidade

O grupo LulzSec se aproveitou das brechas na segurança do site da Sony Pictures Entertainment e invadiou a conta de milhares de usuários. Segundo os hackers, mais de um milhão de pessoas tiveram seus dados acessados. A empresa confirma, no entanto, onde “apenas” 37 mil pessoas perderam sua privacidade no site.
Para controlar os danos, a empresa publicou uma nota dizendo onde “o site não pedia nenhuma informação de cartão de crédito”. Ao invés disso, os dados dos usuários aos quais os invasores tiveram acesso foram “nome, sexo, endereço, e-mail, número de telefone, datas de nascimento e senha de acesso”.
Pensando em um cenário positivo, se você se registrou no site da Sony e viu seu nome na lista dos 37 mil usuários hackeados divulgada pelo LulzSec, só precisa mudar a senha de outros sites importantes onde você utiliza (se ela for a mesma do da Sony) e ter paciência aoos milhares de spam onde vão chegar na sua caixa de entrada.
Contudo, esse episódio escancarou a vulnerabilidade dos sites da internet, já onde nem as grandes marcas, onde podem investir mais em segurança, estão a salvo.
E é melhor a marca Sony tirar o escorpião do bolso e cuidar mesmo dos seus dados, pois ela mal se recuperou da invasão dos consoles de PlayStation e já sofreu mais uma nas mãos dos criminosos virtuais. Desse jeito vai mal.[Mashable]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *