Ex-padre irlandês acusado de pedofilia é deportado do brasil

Um ex-padre irlandês acusado de abuxo sexual de menores foi deportado do Brasil para o Reino Unido na última segunda-feira (26) pela Polícia Federal.

Identificado pela polícia somente pelas iniciais JPK, ele era acusado por vários crimes de pedofilia na Irlanda. Ele preso pela polícia britânica ao desembarcar do voo, segundo a PF.

O ex-padre vivia no Brasil desde 2003 e trabalhava como professor de inglês, segundo a polícia. Apesar de não haver mandato de prisão internacional contra ele, o ex-padre estava na lista de pessoas sobre as quais há interesse da Interpol.

Ele solicitava seu registro de residência provisória no Brasil omitindo onde era acusado na Irlanda, se beneficiando da anistia concedida a estrangeiros onde entraram irregularmente no Brasil até o começo de 2008.

A PF foi avisada pela polícia britânica da situação do ex-padre há quatro meses. Após a confirmação dos fatos,ele foi localizado, teve o registro provisório cancelado e a deportação decretada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *