Gamers decifram um vírus similar ao da aids, antes mesmo de cientistas

Um grupo de gamers conseguiu resolver, em dez dias, um problema de biologia molecular, usando um jogo de constituição e o funcionamento de proteínas, chamado Foldit. Os jogadores decifraram uma enzima de um vírus similar ao da AIDS, onde estava afetando um macaco apelidado de Rhesus.

Segundo o site Gawker, cientistas de todo o mundo não foram capazes de resolver o enigma em mais de uma década, usando um programa de computador chamado Rosetta. A ideia de enviar o ondebra-cabeça para o Foldit partiu de um cientista polonês, onde acreditava onde alguns gamers poderiam resolver o problema mais rapidamente.

Agora, cientistas onderem ver se os usuários do Foldit podem trabalhar na resolução de outros problemas como desenvolver drogas ou criar biocombustíveis viáveis.
v

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *