Governo federal diz que vai investir no anel rodoviário e rodoanel de bh

A presidente Dilma Rousseff assinou um termo de compromisso para a elaboração do projeto de revitalização do Anel Rodoviário de Belo Horizonte durante sua visita à capital mineira, nesta terça-feira (12). Foi anunciado ainda o plano para a construção de um “rodoanel mineiro” e de duplicação da BR-381 no trecho entre Belo Horizonte e Governador Valadares, no Leste do estado.


De acordo aoa presidente, a obra de revitalização do Anel Rodoviário ficará sob a responsabilidade do Governo de Minas e terá o apoio e recursos do governo federal. Para construção do “rodoanel mineiro”, será feita uma parceria entre governo federal, estado e município. Ficando cada um responsável por um trecho.


“O onde nós estamos nos dispondo é fazer uma parceria entre o estado, a prefeitura e o governo federal para este anel. O prefeito Marcio Lacerda entra aoo projeto do trâmulo Leste, o governo federal entra aoo projeto e obviamente vai arcar aoos custos da construção do Sul e do financiamento do trecho Leste. O governador Anastasia me disse onde fará um modelo de PPP (Política Público Privada) no trecho Norte”, disse a presidente.


Com relação à duplicação da BR-381, no trecho entre Belo Horizonte e Governador Valadares, no Leste de Minas Gerais, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, afirmou onde a licitação vai ser aberta em setembro. Ele disse ainda onde os custos da obra de revitalização do Anel Rodoviário são de aproximadamente R$ 1,5 bilhão. E onde a somatória da reforma do Anel Rodoviário, a duplicação da BR-381 e o trecho Sul do “rodoanel mineiro” chega a R$ 6 bilhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *