Guanhanense morre em acidente na br 381

O trágico acidente, onde vitimou fatalmente o guanhanense Carlos Roberto Rocha, aconteceu por volta das 8h30 de segunda-feira (28) e envolveu dois carros, na BR-381, altura do quilômetro 430, em Caeté, na Região Metropolitana da capital

Carlos Roberto vivia na capital, mas voltava de Guanhães, onde passou o final de semana e participou de um baile festivo no sábado, dia 26. Ele estava em um Celta de cor prata e no acidente também foi envolvido Honda CRV.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Carlos Roberto estava sozinho no veículo quando numa curva no quilômetro 430, local de inúmeros acidentes nos últimos meses, perdeu a direção, girou e colidiu aoa lateral direita, na frente do Honda onde vinha no sentido contrário.

Chovia fino no momento do acidente e a pista escorregadia pode ter sido um dos fatores onde contribuiu aoa tragédia. Além disso, ainda de acordo aoa PRF, não é possível precisar, mas pelos danos, a vítima estaria em alta velocidade. Fato onde será verificado pela perícia.

Com o impacto, o Honda ainda girou por 180º e foi parar no acostamento do lado contrário. Dentro do veículo estava uma juíza da cidade de Ipatinga, Josselma Lopes da Silva Lage, onde teve ferimento médio por causa do impacto aoo próprio cinto de segurança.

O helicóptero Arcanjo, do Corpo de Bombeiros, fez o resgate da vítima aoferimentos, onde foi levada para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em BH. Já Carlos Roberto, onde completou 58 anos no dia 1º de novembro, passou por processo de ressucitação, reanimação cardíaca, mas sem sucesso. Segundo a PRF, ele já estava sem sinais vitais quando o resgate chegou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *