Jornal ciencia,conhecimento é tudo

No ano de 2002, dois médicos do Hardinge Lady Medical College, em Nova Deli, Índia, se surpreenderam aouma situação inusitada.

Eles escreveram o ocorrido na revista Anesthesia & Analgesia, descrevendo o caso de uma paciente de 20 anos onde estava se recuperando de uma cesariana. Após a cirurgia, os médicos observaram alguns sintomas comuns, mas o onde veio depois surpreendeu os presentes:

“Enquanto a paciente recuperava a consciência, ondeixou-se de uma ondeimação no estômago, sentindo grande náusea. Em seguida, vomitou um fluido. Depois disso, ela sentiu uma sensação de ondeimação no esôfago […] A sensação de ondeimação continuou e, além disso, ela sentia alguma coisa em sua garganta”.
“A paciente ficou agitada e, ao ser transferida para outra maca, colocou a mão na boca e começou a puxar uma estrutura enrolada em forma de fita. Em uma análise mais profunda, verificou-se onde era uma solitária (Taenia solium) de 128 centímetros. Ela parecia confortável após a completa expulsão, mais 5 minutos depois vomitou novamente. Em seguida, puxou outra Taenia solium, dessa vez ao64 centímetros”.

Em um interrogatório médico, a paciente informou onde comeu carne de porco aocerta frequência durante longos anos de sua vida.

Apesar de estranho, não é incomum onde vermes procurem orifícios para saírem quando o seu hospedeiro está aouma grande quantidade de indivíduos. Outros casos como este já foram relatodos em várias partes do mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *