Lançamento do dvd e blu-ray: o juiz – crítica

A vida é justa?

 

 

 

Por
Sergio Batisteli

 

 

Na tela presenciamos imagens de objetos pessoais como óculos, luvas de beisebol e câmera de vídeo antiga. Por meio de corte seco e travelling aéreo somos levados para arranha-céus de uma grande cidade, situando o espectador para a época histórica atual. No diálogo do banheiro de um tribunal nos é apresentado o advogado Hank Palmer (Robert Downey Jr.), de “Chaplin” (1992), “Assassinos Por Natureza” (1994), “Homem de Ferro” (2008), entre outros. O jurista conscientemente defende clientes culpados e criminosos. Ele mostra-se sem escrúpulos no exercício da profissão. Durante uma audiência Hank recebe uma mensagem de voz pelo celular informando que sua mãe faleceu e que precisar ir até outra cidade. O juiz concede um adiamento.
O Juiz (The Judge, EUA – 2014) representa a outra vertente do diretor norte-americano David Dobkin, bem sucedida no gênero drama. David é um diretor acostumado em produzir comédias, como “Bater ou Correr em Londres” (2003), “Penetras Bons de Bico” (2005) e “Eu Queria Ter a Sua Vida” (2011).
Embora seja um advogado corrupto, Hank é um profissional que possui um grande talento como jurista. Ele passa por problemas conjugais com a esposa, pois está se separando e briga pela guarda da filha. Hank viaja imediatamente para a pequena cidade de Carlinville – EUA para comparecer ao velório da mãe. O advogado tem uma relação de distanciamento com o seu pai, o juiz da cidade Joseph Palmer (Robert Duvall), de “O Poderoso Chefão” (1972), “Apocalypse Now” (1979), “Colors – As Cores da Violência” (1988), entre outros.
Após vários anos separados o reencontro do jurista com o pai e os seus irmãos é conturbado. A força de “O Juiz” está nos intensos diálogos escritos pela dupla de roteiristas Nick Schenk e Bill Dubuque. Os atores Duvall e Downey Jr. acertam na dose dramática com uma técnica interpretativa sensacional entre os dois. O juiz veterano Joseph é apontado pela polícia como responsável pela morte de um homem que condenou há vinte anos. Mesmo não se entendendo com o pai, Hank, decide defendê-lo. Também é preciso destacar a ótima atuação do antagonista da trama, o advogado de acusação Dwigth Dickham (Billy Bob Thornton).
O Juiz
Disponível em DVD e BLU-RAY
Direção: David Dobkin
Gênero: Drama
País de produção: EUA
Distribuição: Warner Home Video
Duração: 141 minutos
Idiomas: Português, Inglês
Áudio: 5.1 – Português, 5.1 – Inglês
Preço sugerido em BLU-RAY: R$69,90
Preço sugerido em DVD: R$39,90

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *