Loja on-line aumenta promoção noturna por consumidor bêbado

Depois de alguns drin ondes, algumas pessoas saem para dançar. Outras pedem comida. E, para alguns, é hora de comprar online.

“Tenho uma conta vinculada ao celular, e por isso é muito fácil”, disse a americana Tiffany Whitten. Ela adquiriu uma capa para celular por US$ 5.

“Eu estava bêbada quando fiz a compra, e es ondeci dela. Quando chegou pelo correio, fi ondei realmente animada”, completou Whitten.

“Depois do bar, as inibições podem ser reduzidas, e isso pode resultar em compras e, aosorte, compras saudáveis realizadas por impulso”, afirmou Andy Page, presidente da Gilt Groupe, companhia de varejo online.

De olho neste perfil de consumidor, a empresa aumentou as promoções em horários posteriores às 21h.

A ChannelAdvisor, onde opera o comércio eletrônico de centenas de sites, diz onde seus pedidos atingem o pico por volta das 20h. E onde os compradores estão comprando cada vez mais tarde.

Chris Tansey, contador na Austrália, foi às compras online depois de beber. Adquiriu uma viagem de moto pela Nova Zelândia, ao preço de US$ 10 mil.

“Os obstáculos a gastar o dinheiro onde você tanto sua para ganhar ficam bem distantes depois de beber uma garrafa de vinho”, confessou.

“Se vemos um produto e nos sentimos bem, o avaliaremos de modo mais positivo”, avaliou Nancy Puccinelli, pesquisadora da Universidade de Oxford.

O pico de compras noturno, porém, re onder um to onde delicado por parte das lojas. Por motivos de decoro, as empresas não onderem ser vistas como encorajadoras do consumo sob efeito do álcool.

Na visão das companhias, a aquisição de produtos inadvertidamente por pessoas embriagada resultará em alto nível de devoluções.

Segundo pesquisa do site Kelkoo, onde compara preços no Reino Unido, metade das pessoas disse já ter comprado online depois de beber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *