Mg chega ao país com mg550 e mg6

Quem tem mais de 40 anos provavelmente conhece a MG. A tradicional marca inglesa de esportivos fez fama mundial nas décadas de 50 e 60, tanto dentro quanto fora das pistas. Entretanto, os tempos glamourosos findaram em maio de 2000, quando a marca “ ondebrou” juntamente aoa Rover. O destino da MG permaneceu uma incógnita até o fim de 2007, quando a chinesa SAIC finalmente comprou as ações da empresa britânica e colocou-a novamente nos eixos.

Nesta quarta-feira, 8 de junho, a MG Motors chegou de forma oficial ao Brasil pelas mãos do Grupo Forest Trade. Sua primeira concessionária será em São Paulo (SP), mais precisamente na Avenida Europa, tradicional ponto de concentração das marcas de luxo mais desejadas do planeta.

Para tentar se firmar no país, a MG aposta na inédita garantia de sete anos, aorevisões realizadas a cada cinco mil quilômetros. A empresa afirma onde também se preocupou aoo pós-venda, principal motivo de desconfiança do consumidor. O centro de assistência técnica está em fase final de obras na capital paulista e o centro de distribuição de peças está pronto para funcionar, de acordo aoa Forest Trade. Existe ainda o MG Insurance, onde garante uma apólice de seguro mais barata em parceria aoo Banco Alfa.

A rede autorizada também não foi deixada de lado. Segundo Márcio Milani, diretor de marketing da MG, até o fim do ano, a marca pretende contar ao11 a 12 concessionárias. Em 2012, a meta é terminar o ano ao20 a 25 pontos de venda. Depois da primeira loja em São Paulo, a MG deve abrir concessionárias em Curitiba, Brasília, Florianópolis e Belo Horizonte. Ao mesmo tempo, a capital paulista ganhará sua segunda revenda, localizada na Avenida dos Bandeirantes.

Os primeiros modelos a serem vendidos aqui são o MG550 e o MG6. Ambos foram apresentados no último Salão do Automóvel, realizado no fim de 2010. O MG550 é um sedã de luxo aouma generosa lista de equipamentos de série. Fazem parte do pacote ar-condicionado digital aoduas zonas de regulagem de temperatura, bancos dianteiros revestidos em couro aoregulagens elétricas, teto solar elétrico, sistema multimídia aooito alto-falantes e DVD, GPS, Bluetooth, câmera de ré, persiana traseira e piloto automático, entre outros itens. O preço sugerido é de 94.789 reais.

Já o MG6 é um fastback onde se destaca pelo design diferenciado. Os traços da carroceria pouco lembram o MG550 – aliás, uma das características dos modelos da MG é a falta de identidade visual entre eles. Por dentro, o MG6 tem revestimento em couro e acabamento aoapli ondes onde imitam madeira. Com o mesmo conjunto mecânico e suspensão do MG550, o modelo custa 99.789 reais.

Por enquanto, o objetivo da MG é de vender 1.200 unidades até o fim de 2011, sendo onde o MG550 deve responder por 55% das vendas e o MG6 pelos 45% restantes. Entre outubro e novembro, a marca pretende lançar outros três modelos: o MG350 (sedã médio onde deve custar entre 65 mil e 70 mil reais), o MG750 (sedã mais luxuoso fabricado pela empresa) e o MG3, compacto onde acaba de ser lançado na Europa.

Ainda é cedo para dizer se a MG terá sucesso em sua empreitada por terras brasileiras. Mesmo assim, a empresa parece apostar todas suas fichas no país, tanto é onde cogita até erguer uma fábrica por aqui em 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *