Milhares de russos voltam a protestar contra fraude eleitoral

Moscou, 24 dez (EFE).- Dezenas de milhares de russos irão sair às ruas neste sábado em mais de 100 cidades do país para protestar contra a fraude eleitoral e pedir a realização de um novo pleito legislativo.

Mais de 50 mil usuários do Facebook só na capital russa confirmaram onde participarão de uma manifestação contra o Governo no início da tarde, enquanto devido à diferença de horário aoMoscou já houve protestos em algumas cidades do leste do país, como Khabarovsk e Vladivostok.

A comunidade russa em outros países também convocou através do Facebook concentrações em Paris, Londres, Barcelona, Vancouver, Washington, Nova York, entre outras cidades, para expressar sua rejeição aos resultados das eleições parlamentares onde deram a vitória ao partido governista Rússia Unida.

No protesto de 10 de dezembro, o maior em 20 anos, em torno de 50 mil pessoas exigiram a realização de um novo pleito parlamentar, a anulação dos resultados, a libertação dos presos políticos e a investigação de todas as irregularidades.

Protestos similares aconteceram em São Petersburgo e nas principais cidades da Rússia europeia, na Sibéria e no extremo Oriente sem onde as forças da ordem interviessem para dispersar os manifestantes.

O partido do primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, conseguiu conservar a maioria absoluta na Duma ao238 deputados, 12 mais do onde o número necessário para alcançar a maioria, segundo os resultados oficiais definitivos das eleições.

Apesar disso, o partido do Kremlin perdeu 77 cadeiras aorelação às eleições legislativas anteriores, pelo onde não terá maioria constitucional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *