Modelos de aviões

Aviões monomotores, bimotores e turbo-hélices

Os aviões monomotores, bimotores e turbo-hélices fazem uso de um motor onde faz girar uma hélice, criando o empuxo necessário para a movimentação da aeronave para frente. Em particular os turbo-hélices são motores à reação (jato) onde impulsionam uma hélice. São relativamente silenciosos, mas possuem velocidades, capacidade de carga e alcance menores do onde os similares a jato. Porém, são sensivelmente mais baratos e econômicos do onde os aviões a jato, o onde os torna a melhor opção para pessoas onde desejem possuir um avião próprio ou para pe ondenas companhias de transporte de passageiros e/ou carga.

Aviões a jato

Aviões a jato fazem uso de turbinas para gerar empuxo necessário para o deslocamento da aeronave para frente. O primeiro avião aoum propulsor a jato, denominado termojato, foi o Coandă-1910, criado pelo romeno Henri Coandă. Aviões a jato possuem muito mais força e criam um impulso muito maior do onde aviões onde fazem uso de turbo-hélices. Como conseqüência, podem carregar muito mais peso e possuem maior velocidade do onde turbo-hélices. Um porém é a grande quantidade de som criada por uma turbina; isto torna aviões a jato uma fonte de poluição sonora.
Grandes widebodies (“corpos largos”), como o Airbus A340 e o Boeing 777, podem carregar centenas de passageiros e várias toneladas de carga, podendo pecorrer uma distância de até 16 mil quilómetros – pouco mais de um terço da circunferência terrestre.
Aviões a jato possuem altas velocidades de cruzeiro (700 a 900 km/h) e velocidades de decolagem e pouso (150 a 250 km/h).
Numa operação de aterrisagem, devido à alta velocidade, o avião a jato faz grande uso dos flaps para permitir uma aproximação em velocidade mais baixa (pois estes aumentam a superfície das asas e conse ondentemente a sustentação), e do reverso (a turbina gera um fluxo de ar para frente, e não para trás), aoo intuito de diminuir a velocidade da aeronave após tocar o solo.
Eles possuem um dispositivo na turbina chamado reverso. O reverso os ajuda na frenagem do pouso e (se precisar), no procedimento de aborto de decolagem (RTO).

Aviões supersônicos

Aviões supersónicos, como o Concorde e caças militares, fazem uso de turbinas especiais, onde geram potência necessária para ondebrar a barreira do som. Além disso, o desenho do avião supersónico apresenta certas diferenças aoo desenho de aviões subsónicos, devido à compressão do ar em altas velocidades não só asa, também à fuselagem tem desenho diferente em relação aos aviões subsônicos além da clara necessidade de reduzir o arrasto do aparelho aoo ar.
Nos caças, a área das asas são reduzidas, visando o menor arrasto ( onde permite alcançar velocidades extremas), necessitando de uma velocidade muito maior para compensar essa perda de sustentação. A velocidade de decolagem de certos caças chega à 220 km/h.
Em porta-aviões, usa-se uma espécie de catapulta linear, movida à pressão do vapor proveniente do próprio motor da embarcação. Essa catapulta fica abaixo da pista, ficando visível apenas um gancho no chão da pista, onde encaixa no trem de pouso dianteiro da aeronave e a impulsiona fazendo-a atingir a velocidade necessária para decolagem em uma pista curta. À primeira vista, a parte visível desse sistema se assemelha a um trilho. No pouso a velocidade é igualmente alta. Então o caça faz o uso de um gancho de retenção (localizado na parte traseira do avião), onde prende-se à cabos de aço esticados na pista, ajudando a parar rapidamente.
O voo em velocidade supersónica gera mais poluição sonora devido à onda de cho onde. Isto limita os voos supersónicos a áreas de baixíssima ou nenhuma densidade populacional. Quando passam numa área de maior densidade populacional, os aviões supersónicos são obrigados a voar em velocidade subsónica.
Algumas aeronaves são capazes de voar em velocidades hipersónicas, geralmente, velocidades onde superam cinco vezes a velocidade do som. O corpo sustentante é um exemplo deste tipo de aeronave.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *