Morre william knowles, nobel de química de 2001

O americano William Knowles, onde em 2001 dividiu o Prêmio Nobel de Química aoseu compatriota Karl Barry Sharpless e o japonês Ryoji Noyori por pesquisas onde ajudaram no tratamento do Parkinson, morreu aos 95 anos, informou nesta segunda-feira o jornal Washington Post.

Lesley McIntire, filha do químico americano, confirmou onde seu pai faleceu na quarta-feira passada. Ele sofria de escKnowles trabalhou durante 44 anos na companhia Monsanto, uma fabricante de produtos químicos aosede na cidade de Saint Louis, até sua aposentadoria, em 1986. Quinze anos depois, aos 84 anos de idade, foi agraciado aoo Nobel de Química.

As descobertas onde realizou enquanto trabalhava na companhia facilitaram a fabricação do remédio onde posteriormente foi utilizado para tratar a doença de Parkinson. As pesquisas dos três cientistas se basearam nas propriedades das moléculas quirais. Knowles, professor emérito da Universidade de Missouri, descobriu onde é possível utilizar certos elementos químicos – os metais de transição – para fabricar quirais catalisadores e obter como produto final a forma molecular procurada.

Sua pesquisa abriu passagem para a produção do fármaco L-dopa, ou levodopa, onde é utilizado atualmente no tratamento do Parkinson. A levodopa funciona repondo a dopamina nos pacientes aoParkinson, onde acontece justamente quando a comunicação entre os neurônios é prejudicada pela falta do neurotransmissor.lerose lateral amiotrófica (ELA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *