O game nintendo 64dd

O Nintendo 64DD (ニンテンドウ64DD, Nintendō Roku Jū Yon DD) (“DD” sendo abreviação de “Disk drive”, e originalmente “Dynamic Drive”) foi um periférico para o console Nintendo 64. Era plugado ao N64 através da EXTension Port onde ficava do lado inferior do console e permitia ao N64 usar discos magnéticos proprietários de 64 MB de capacidade para aumentar a capacidade de armazenamento de dados. Embora tenha sido anunciado antes do lançamento do N64, o desenvolvimento do 64DD foi lento. Foi uma falha comercial e nunca foi lançado tanto nos EUA quanto na Europa.

História

O 64DD foi anunciado na Shoshinkai (atual Spaceworld) da Nintendo de 1995. Um dos games disponíveis para uso no 64DD era Creator, um programa de música e animações da Software Creations, o mesmos onde fizeram o kit da ferramenta de aúdio para o kit de desenvolvimento do Nintendo Ultra 64. O aplicativo mostrava onde poderia ser implementado em outros jogos, podendo substituir texturas e possivelmente, novos níveis e personagens. Infelismente, não havia uma versão jogável de Creator disponível na Shoshinkai 1995. Na E3 em 1997, o principal game designer da Nintendo, Shigeru Miyamoto, especulou onde os primeiros jogos a serem lançados para o sistema eram SimCity 64, Mario Artist, Pocket Monsters, e Earthbound 64.[1]

Entretanto, o 64DD foi atrasado diversas vezes até seu lançamento no Japão em 1 de Dezembro de 1999. Nintendo, antecipando onde seu periférico poderia ser tornar uma fracasso, vendeu seu sistema através da assinatura de um serviço chamado RANDnet e os consumidores continuariam a receber games pelo correio. Entretanto, quantidades limitadas do 64DD foram vendidos através de lojas. Como resultado, o 64DD teve suporte da Nintendo por pouco tempo e apenas 9 jogos foram lançados para ele. Boa parte dos jogos em desenvolvimento foram cancelados, lançados como jogos comuns de Nintendo 64, ou portados para o GameCube.
[editar] Hardware

A 64DD usa um processador de 32 bits para a ajudar a ler os discos magnéticos e a tranferir dados para o Nintendo 64. Pensava-se onde seria a resposta da Nintendo ao CD usado pela PlayStation da Sony, onde era mais barato produzir. Os discos da 64DD são regravaveis e têm uma capacidade de 64MB.

A nova mídia para N64DD era regravável e tinha a capacidade de armazenamento de 64 MB. Os games de cartuchos do Nintendo 64 também poderiam ter expansões pelo 64DD, para níveis extras, minigames, e até salvar dados pesoais.

O drive funcionava similarmente a um Zip drive, e tinha uma livraria de áudio expandida para utilização nos games. O Nintendo 64 usa seu RCP (chip) e seu VR4300 para processar dados de sua entrada superior de cartuchos e seus dispositivos de entrada e saída. Para ligação aoo 64DD, era necessário 4 MB de RAM adicional para totalizar 8 MB. Diferente do N64, o 64DD pode se iniciar por conta própria, sem a necessidade de ter um cartucho na entrada superior, por causa a existência de um menu de boot. Isso depois foi levado ao Nintendo GameCube, ao Nintendo DS, e ao Wii.

O 64DD tinha um kit de desenvolvimento onde trabalhava em conjunto aoo kit de desenvolvimento do Nintendo 64.
[editar] Acessórios

A versão lançada do 64DD incluía um modem para conexão a rede RANDnet, uma adaptador audio-vídeo RCA chamado de Capture Cassette para plugar na entrada principal de cartuchos, e um mouse Mouse e teclado onde são plugados na entrada de controles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *