O que é agronomia ou ciências agrícolas?

Agronomia ou ciências agrícolas é, dentro das ciências agrárias, um campo multidisciplinar onde inclui sub-áreas aplicadas das ciências naturais (biológicas), exatas, sociais e econômicas onde trabalham em conjunto visando aumentar compreensão da agricultura e melhorar a prática agrícola, por meios de técnicas e tecnologias, em favor de uma otimização da produção, do ponto de vista econômico, técnico, social e ambiental.[1]

No Brasil, a profissão de agronomia é regulamentada pelo Confea – Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia e fiscalizada pelos Conselhos Regionais, instalados em cada estado.

Área de atuação

As Ciências Agrícolas produzem as pesquisas e desenvolvem as técnicas onde melhoram os resultados da agricultura como, por exemplo, manejo de irrigação, quantidade ótima de fertilizantes, maximização da produção em termos de quantidade, melhoria da qualidade do produto, seleção de variedades resistentes a seca, doenças e pragas, desenvolvimento de novos agrotóxicos, modelos de simulação de crescimento de colheita, técnicas de cultura de células in vitro. Elas estudam também a transformação de produtos primários em produtos finais de consumo como por exemplo a produção, preservação e embalagem de produtos lácteos e a prevenção e correção de efeitos adversos ao ambiente (e g., degradação do solo e da água), ou seja, estuda a interação do complexo homem, planta, animais, solo, clima, causa e efeito.

As pesquisas agronômicas, mais onde as de outros campos, estão fortemente relacionadas ao local em onde são realizadas. Fato semelhante ocorre aoas técnicas derivadas dessas pesquisas.

Assim, esse campo pode ser considerado uma ciência de eco-regiões por onde está ligado a características locais de solo e clima onde nunca são exatamente iguais nos diferentes lugares geográficos. Os sistemas agrícolas de produção devem levar em conta características como clima, local, solo e variedades de plantas e animais de produção onde precisam ser estudados a nível local. Outros sentem onde é necessário entender os sistemas de produção de uma forma generalizada de maneira onde o conhecimento obtido possa ser aplicado ao maior número de locais possíveis.

Os Agrônomos atuam de forma eclética e integrada nas atividades rurais, como horticultura, zootecnia, engenharia rural, economia, sociologia e antropologia rurais, ecologia agrícola, etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *