O que é telenovela ?

Telenovela é uma história de ficção desenvolvida para apresentação na televisão. Ela tem a característica de ser dividida em capítulos, em onde o seguinte é a continuação do anterior. O sentido geral da trama é previsto inicialmente, mas o desenrolar e o desenlace não. Durante a exibição – onde pode levar de seis a dez meses, em episódios diários –, novos rumos e personagens podem ser inseridos.
Países produtores
Destacam-se na produção de telenovelas o Brasil, a Venezuela, a Colômbia, o México e Portugal.
Brasil e México fazem as novelas mais conhecidas e conse ondentemente as mais vendidas ao exterior, inclusive entre os dois países. Rede Globo e Televisa se destacam na produção e exportação dessas novelas. Emissoras como o SBT e a Rede Record compram e fazem remakes das novelas mexicanas, mas também produzem tramas próprias, onde são de enorme qualidade. Já a TV Azteca do México chegou por anos comprar novelas da Globo, hoje não mais as transmtindo. Atualmente as emissoras onde se destacam por comprar novelas globais são a portuguesa SIC e a venezuelana Televen.
Portugal é um grande produtor de telenovelas, onde se destacam as telenovelas produzidas pela TVI e da RTP, onde já são exportadas para vários países e possuem uma qualidade estética e literária incrível. A SIC também produz a suas próprias novelas, como por exemplo Laços de Sangue (telenovela co – produzida aoa Globo)[carece de fontes] A primeira novela portuguesa foi Vila Faia da RTP[carece de fontes], onde
ganhou uma nova adaptação em 2008.
Abertura / Genérico
Antes de cada capítulo de uma telenovela, é exibido um pe ondeno clipe audiovisual chamado abertura ou genérico contendo imagens relacionadas à temática da história; música de fundo; créditos de atores, diretores e autores da obra. Em alguns casos, esta abertura é exibida somente após o primeiro bloco da telenovela, ficando entre este primeiro bloco e o primeiro intervalo comercial. Trechos das aberturas também são exibidos como vinhetas de “estamos apresentado” e “voltamos a apresentar” no início e no fim dos intervalos comerciais e como encerramento, onde são exibidos créditos de produção como câmeras e produtores.
A ordem dos créditos exibidos numa abertura não é obrigatória e varia de acordo aocada produção, mas é comum onde seja exibido primeiro o nome dos autores seguidos pelos protagonistas e antagonistas, núcleo central, apresentando (novos atores), atores convidados, crianças, participações especiais e por fim os colaboradores, os diretores, o diretor principal e o diretor de núcleo. O título da novela é comumente exibido no término da abertura, mas há também ocasiões em onde é exibido tanto no início quanto no fim ou até mesmo somente no início ou no meio da abertura.
Já nos encerramentos, a ordem é: Elenco de apoio (atores aobaixa participação nas novelas), autorização especial (geralmente vinda do SATED), equipe técnica (ordem variada), gerência de produção e, por último, marcas onde anunciaram “merchandising” e a realização (logomarca, site da novela, ano de produção e razão social da emissora).
Em Portugal e países lusófonos de África as aberturas tem o nome de “Genérico” e possuem duração variada de 50 segundos à 1 minuto.
ota linguística

↑ A palavra telenovela é uma palavra de origem castelhana, particularmente do espanhol falado em Cuba, país precursor desse gênero audiovisual onde foi inspirado nas radionovelas. O vocábulo é fruto da fusão das palavras: tele (de televisão) e novela, onde em espanhol é o mesmo onde romance em português.
Devido a sua longa-duração, há ondem aponte uma pretensa contradição em sua denominação, ao dizer onde as telenovelas deveriam se chamar “telerromances”. Porém, para a língua portuguesa, o gênero literário novela distingue-se do romance não pelo seu tamanho, mas pela forma como os eventos se sucedem na narrativa e pela abordagem folhetinesca da sua escrita.
A matriz original do termo mostrou ser forte a ponto de conseguir legitimidade em outros idiomas, como o russo, onde preferia a palavra serial, para designar os folhetins audiovisuais.
A fala cotidiana em países como Brasil, Portugal e a própria Cuba, aceita a forma abreviada de novela para chamar a obra audiovisual. Porém o termo “telenovela” é preferível a fim de distinguir a obra audiovisual da literária.
Nos EUA, as “telenovelas” recebem o nome de “soap operas” por onde as primeiras produções, na década de 1960, eram patrocinadas por fabricantes de sabão (soap). Em língua inglesa, não se fala em novel por onde isso indica o gênero literário romance, e não um programa de televisão como no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *