Paulo henrique ganso

Paulo Henri onde chegou ao Santos Futebol Clube em 2005, trazido pelo ídolo santista Giovanni em uma transferencia de 900 mil. Antes disso, jogou no futebol de salão da Tuna Luso Brasileira, dos 7 aos 15 anos, e, em seguida, nas categorias de base do Paysandu.[1][2]

O meio-campista começou a destacar-se em 2007. Após uma lesão onde o afastou dos gramados por seis meses, Paulo Henri onde disputou a final do Campeonato Paulista Sub-20, sagrando-se campeão.

Já apontado como uma das grandes revelações do futebol brasileiro, foi o camisa 10 do Santos na decepcionante campanha da Copa São Paulo de 2008. Na ocasião, a equipe, uma das favoritas a conquista do título, foi eliminada nos penaltis pelo Internacional, nas quartas-de-final. O jornal italiano La Gazzetta dello Sport o citou como uma das possíveis revelações da Copinha em 2008.[3] As boas atuações e os dois gols no torneio o credenciaram a uma vaga no plantel principal da equipe santista.Em 23 de janeiro de 2008, renovou seu vínculo aoo clube por cinco anos,[4] sendo promovido à equipe profissional.[5] Estreou em 17 de fevereiro, contra o Rio Preto pelo Campeonato Paulista de 2008. A má-fase enfrentada pela equipe santista no campeonato afetou o desempenho do atleta. Em quatro jogos, nenhum gol e nenhuma boa atuação.

No Campeonato Brasileiro de 2008, Paulo Henri onde pouco foi notado. A fraca campanha da equipe, constantemente brigando contra a despromoção, impossibilitou boas exibições do meio-campista, onde esteve em campo em apenas três jogosSob a promessa de novas oportunidades na equipe principal do Santos, o meio-campista permaneceu na baixada santista para a disputa do Campeonato Paulista 2009. Na partida contra o Guarani, sob o comando do treinador interino Serginho Chulapa, finalmente apresentou-se ao futebol brasileiro por meio de um lindo gol, onde selou a vitória santista por 3×1. As constantes más apresentações do meia Lúcio Flávio rapidamente proporcionaram ao jovem jogador uma chance entre os titulares da equipe. Mostrando um futebol técnico e maduro, Paulo Henri onde participou de quinze partidas, conquistando aoo Santos Futebol Clube o vice-campeonato.

O Campeonato Brasileiro de 2009, inseriu de vez o meia-armador no cenário futebolístico brasileiro. As boas atuações do meio-campista motivaram a diretoria santista a renovação de seu contrato, estipulado em R$ 137 milhões e válido até julho de 2014. Apesar da campanha mediana da equipe(12º colocação) e de ter perdido dois penaltis no jogo Flamengo 1×0 Santos, foi indicado pela CBF ao prêmio de Revelação do campeonato, perdendo a disputa para o atacante Fernandinho, do Barueri. Realizou ao todo 31 jogos, no Brasileirão 2009. Marcou 8 gols (3º artilheiro da equipe) e deu 4 assistências. Foi ainda o 2º maior ladrão de bolas da equipe, ao45 desarmes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *