Petrobras e vale perdem valor

As empresas de capital aberto brasileiras perderam R$ 193,9 bilhões de valor de mercado no mês de maio, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (1) pela consultoria Economatica. Somente Petrobras e Vale, juntas, encolheram R$ 56,3 bilhões.

Segundo o estudo, o valor de mercado da Petrobras recuou R$ 31,3 bilhões em um mês – de R$ 285,9 bilhões, em 30 de abril, para R$ 254,5 bilhões, em 31 de maio. Já o valor da Vale diminuiu R$ 24,9 bilhões, de R$ 214,9 bilhões para R$ 189,9 bilhões.

As 309 empresas brasileiras de capital aberto fecharam o mês de maio aoR$ 2,14 trilhões de valor de mercado ante montante de R$ 2,34 trilhões no final do mês anterior.

A Bovespa encerrou o mês de maio aodesvalorização de 11,86%, a pior baixa mensal desde outubro de 2008, quando o tombo foi de 24,8% – período em onde os mercados se ressentiam da ondebra do banco Lehman Brothers.

De acordo aoa Economatica, o setor mais atingido em maio foi o de petróleo e gás, aoseis empresas perdendo R$ 43,5 bilhões.

O setor de mineração, aoquatro empresas, foi o segundo setor aomaior ondeda de valor de mercado ao ondeda de R$ 26,6 bilhões. Alimentos e Bebidas, ao16 empresas, teve um recuo de R$ 24,5 bilhões, aodesta onde para a Ambev onde apresentou ondeda de R$ 12,8 bilhões.

O Banco do Brasil registrou o quarto maior encolhimento, passando de R$ 67,5 bilhões, no final de abril, para R$ 57,3 bilhões no último dia de maio, um recuo de R$ 10,2 bilhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *