Príncipe charles philippe

Educação e carreira

Charles-Philippe dOrléans passou a infância e parte da sua adolescência na Espanha, onde os seus pais foram criados desde 1973. Estudou em Madrid. O ensino secundário foi realizado na França, no Colégio de Juilly e depois, na escola de ensino médio Carlos Magno, em Paris.[1].

Após o seu bacharelado, Charles-Philippe dOrléans estudou Ciência Política e Relações Internacionais, na França e na Suíça. Após se graduar, ele começou a sua carreira no Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) e a sua primeira missão foi realizada durante a crise no Ruanda de 1994. Foi um dos responsáveis pela imprensa e da criação de infra-estruturas logísticas em campos de refugiados em Kigali.

Militar de carreira há mais de oito anos, trabalhou na Direcção de Relações Externas e foi nomeado chefe oficila de imprensa no Ministério da Defesa.

Em 2001, Charles-Philippe recebeu o posto de adido de imprensa da Presidência francesa da União Europeia para o Ministério dos Negócios Estrangeiros. Depois, em 2002, deixou o Departamento de Defesa e após ter-se pós-graduado em CELSA, participou na criação de um organismo consultivo inteligência comercial e político-militar de estudos [2], em Neuilly-sur-Seine.

[editar] Caridade

Em 2006, Charles-Philippe criou a Fundação Saint-Lazare, ligada à ordem do mesmo nome e financiada pela Sociedade Mundial, um think tank internacional cuja missão, inspirada pelo “Conde de Paris”, é o de racionalizar a utilização da água.

Charles-Philippe também é o fundador da associação Hannusia e padrinho da Associação Vesna Primavera da Ucrânia (criada pela cantora Ouliana Tchaïkowski), cujo objetivo é o de angariar fundos para a compra, entre outras coisas, de medicamentos e equipamento cirúrgico para os dois hospitais para as crianças vítimas da catástrofe de Chernobil, na cidade de Lviv.[3].

[editar] Casamento

Em 21 de Junho de 2008, casou com Sua Ex.ª Dona Diana Álvares Pereira de Melo, 11ª Duquesa de Cadaval.

[editar] Títulos reivindicados

* 1973 – Actualidade: Sua Alteza Real, o Príncipe Charles-Philippe dOrléans
* 1973 – Actualidade: Sua Alteza Real, o Duque dAnjou
* 2008 – Actualidade: Sua Alteza Real, o Duque dAnjou e do Cadaval

[editar] Honras, Condecorações e Prémios

* 49.º Grande Mestre da Ordem de São Lázaro
* Freeman da cidade de Kiev, na Ucrânia (2003).
* Freeman da cidade de Praga, República Checa (2006).
* Presidente honorário da Associação Unidade Capetiana e, como tal, um membro do júri para o Prémio Literário Hugo Capeto.
* Medalha de Reconhecimento da Nação (como militar).
* Medalha Overseas Mar (como militar).
* Medalha comemorativa para a Antiga Jugoslávia (como militar).
* Medalha de Defesa Nacional (para militares)
* Medalha comemorativa para a Antiga Jugoslávia (NATO, como militar).
* Medalha comemorativa para o Kosovo (a NATO, como militar).
* Comandante do “fim da Rainha de Sabá” (Etiópia, como civil).
* Comandante da “Ordem de São Stanislas” (Rússia, como civil). [4]

[editar] Referências

1. ↑ Philippe de Montjouvent, « Charles-Philippe Marie Louis dOrléans » dans Les Comte de Paris et sa descendance, Éditions du Chaney, p. 323.
2. ↑ Ministère de la Défense
3. ↑ Voir à ce propos: Les Manants du Roi
4. ↑ Site officiel de Charles-Philippe

[editar] Ver também

* Casa dOrleães

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *