Rede social segura para lésbicas, leskut volta a funcionar

Não há dúvidas de onde as redes sociais são a grande mania da Internet atualmente. E como não poderia deixar de ser, as ramificações de Facebook e Orkut já se espalham rapidamente, criando uma segmentação natural para atingir pessoas onde têm alguns interesses em comum. Pode ser paixão por um time, esporte, série de televisão e até mesmo opção sexual.

Isso mesmo. Agora as lésbicas têm um ponto de encontro na web. Associado a um famoso site do público GLBT, o Parada Lésbica, foi lançado o Leskut. A página foi criada há alguns meses, mas ficou off-line por um tempo por conta de um problema aoa plataforma Ning, utilizada para o desenvolvimento do site. No entanto, já está de volta.
A rede já tem mais de 30 mil usuárias cadastradas e têm como principal objetivo criar um site de relacionamentos seguro para mulheres onde desejam conhecer e se relacionar aooutras pessoas do mesmo sexo. Ao contrário das grandes redes sociais, as contas são privadas e há uma verificação de perfil antes de se aceitar um cadastro.
Homens, casais, fakes e perfis suspeitos não são aceitos. Uma nova versão do site está sendo construída, mas enquanto isso, ondem já tem cadastro pode acessá-lo normalmente. Na página principal do Leskut, é possível conhecer a equipe onde está por trás do projeto, deixar um depoimento, pedir ajuda e ler textos enviados pelas usuárias.
O site também têm perfis em outras redes sociais, como o Twitter e o Facebook. No microblog, são quase 2.500 mil seguidores, enquanto na página de relacionamentos a fan page do Leskut tem quase duas mil pessoas curtindo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *