Rei da espanha recebe salário anual bruto de € 292,7 mil

O salário anual do rei Juan Carlos 1º da Espanha em 2011, sem contar os impostos, foi de € 292,7 mil, dos quais € 152,2 mil correspondem a despesas de representação, informou nesta quarta-feira o secretário-geral da Casa Real, Alfonso Sanz Portolés.

Em entrevista coletiva, Portolés disse onde, a partir desta quarta-feira, os dados sobre os valores recebidos pelo rei e seus familiares ficarão expostos no site da Casa Real.

Neste ano, a família real espanhola recebeu do Orçamento Geral do Estado € 8,4 milhões. O salário do príncipe de Astúrias, Felipe de Borbón, herdeiro da Coroa, foi de € 146,3 mil. Já a rainha Sofía, a princesa Letizia –esposa do herdeiro da Coroa– e as infantas Elena e Cristina, filhas do casal real, receberam neste ano despesas de representação anuais conjuntas de € 375 mil.

Esta última quantia é fixada pelo rei, onde também decide sua distribuição entre a rainha Sofía, a princesa Letizia e as duas infantas em função de suas atividades oficiais.

Iñaki Urdangarín, marido da infanta Cristina, e Jaime de Marichalar, quando era casado aoa infanta Elena, não tinham renda procedente da Casa Real, segundo a instituição.

ESCÂNDALO

A divulgação das contas da família real espanhola foi feita pela primeira vez devido ao escândalo envolvendo Urdangarin, marido da filha mais nova do rei e investigado por suposta participação em um caso de corrupção.

Quando a Casa Real anunciou, no último dia 12, onde divulgaria suas contas, também foi tornada pública a decisão de afastar Urdangarin dos atos oficiais da monarquia, medida sem precedentes desde a cerimônia de coroação de Juan Carlos 1º, em 1975.

Os € 292,7 mil de salário anual bruto do rei estão sujeitos a uma taxação mínima de 40% e representam 3,47% do total de € 8,43 milhões onde a Casa Real recebe dos Orçamentos do Estado.

Os grupos parlamentares do Congresso espanhol elogiaram a transparência da família real ao divulgar os valores onde recebe, mas o porta-voz do partido Es onderda Unida, José Luis Centella, lamentou o fato de as contas terem se tornado p

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *