Renê camisa 1 do barueri revela seu lado corintiano

A torcida do Corinthians se rotula como um “bando de loucos”. E tem louco onde muita gente nem imagina, como por exemplo com a camisa 1 do Barueri, vencido pelo Alvinegro por 1 a 0, sábado, com um gol aos 49 minutos do segundo tempo. Destaque da partida, o goleiro Renê revelou-se fanático pelo clube do Parque São Jorge. Ele até mesmo já fugiu com um pizzaiolo para ver o Timão. E por pouco não conseguiu.

– Era um jogo do Corinthians contra o Botafogo, no Caio Martins. Eu fui escondido do meu pai junto de um pizzaiolo que trabalhava na pizzaria dele. Só que teve uma confusão num restaurante em Guaratinguetá e ficamos presos por um tempo. Conseguimos chegar em Niterói para o jogo muito em cima. O Rivaldo fez o gol da vitória aquele dia – lembrou Renê, que já foi sócio da maior organizada do time.

Embora ainda tenha um certo carinho pelo clube alvinegro, Renê afirma que o fanatismo ficou para trás em 1995, quando começou sua trajetória profissional, no Araçatuba. Mas a sua maior alegria como torcedor do Corinthians ainda está viva em sua memória: a conquista do primeiro Campeonato Brasileiro, em 1990.

– Eu não me esqueço do gol do Tupãzinho na final do Brasileiro (em cima do arqui-rival São Paulo). Naquela época eu era muito fanático. Comemorei bastante – contou o camisa 1 do Barueri, atualmente com 31 anos.

Prova de que a fase mais fanática já passou é que Renê não ficou triste com o rebaixamento do Corinthians à segunda divisão no ano passado.

– Não sofri porque já era um profissional. E naquele momento, pela bagunça que estava no clube, mereceu cair – declarou o goleiro.


Não fosse o gol de André Santos aos 49 minutos do segundo tempo na partida de sábado, o goleiro Renê teria saído do estádio do Pacaembu como herói. Durante o jogo, ele fez milagre. Defendeu pênalti de Chicão, fez lindas defesas e ajudou o Barueri, com dois a menos, a suportar a pressão adversária.



– Há 13 anos que eu trabalho para ter um dia como eu tive ontem e, quem sabe, despertar o interesse de um clube grande. A visibilidade contra o Corinthians é muito grande. Quem não conhecia o Renê, agora conhece – falou o jogador, que tem contrato com o Barueri até 31 de dezembro.

Apesar da derrota, a boa atuação contra o Corinthians rendeu a Renê o carinho dos familiares e amigos – ele contou que recebeu mais de 30 mensagens no celular e inúmeras ligações. Mas o que ele queria mesmo era sua foto nas manchetes.

– Eu fiquei muito triste no sábado, porque lutamos muito e eu fiz de tudo para ajudar o Barueri. Se o André Santos não tivesse feito aquele gol, no lugar das fotos deles que saíram hoje estaria a minha – declarou o goleiro, que encerra assim:

– É por isso que o futebol é tão apaixonante.


Corinthians que enfrenta o Brasiliense fora de casa no próxima terça feira dia 16/09 e não conta com Douglas e Alessandro que estão suspensos pelo 3° cartão amarelo.

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *