Servidores do judiciário fazem mais uma quarta-feira de paralisação na bahia

Seguindo um calendário de mobilização semanal, os trabalhadores do Judiciário baiano paralisam as atividades nesta quarta-feira (25), como tem ocorrido desde o dia 4 de maio, primeira quarta-feira do mês.
Segundo o sindicato da categoria, a Bahia possui pelo menos 12 mil servidores nas comarcas da capital e do interior. Mesmo aoa paralisação, alguns servidores estarão em plantão para serviços como emissão de guia de sepultamento, habeas corpus e liminares de planos de saúde.

Segundo o Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado da Bahia – Sinpojud, o movimento deve ter adesão da categoria nas comarcas do interior e da capital e apenas 30% do efetivo do Judiciário baiano irá trabalhar.
A categoria pede a reposição dos dias cortados durante a greve de 2010, privatização aodireito a opção e publicação dos editais de remoção.
Outra reivindicação dos trabalhadores é a aprovação de mandados de segurança pelo Tribunal Pleno. De acordo aoos sindicalistas, apesar do Tribunal já ter aprovado um dos mandados, ainda existem mais dois para entrarem em pauta. O primeiro diz respeito aos 300 técnicos de nível superior e o segundo é dos supervisores de Juizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *